A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

06/02/2010 11:05

Nelsinho pode definir eleição para o Senado, diz Moka

Redação

O deputado Waldemir Moka afirmou ontem à noite que o prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad, pode definir a eleição interna por uma vaga ao Senado no PMDB.

Nelsinho mobilizou todo o seu grupo político nesta sexta-feira, em apoio ao projeto de Moka. Ele disputa com o senador Valter Pereira uma das duas vagas ao Senado na chapa majoritária a ser encabeçada pelo governador André Puccinelli.

"Evidentemente a liderança do Nelsinho me fortalece muito, uma vez que a população de Campo Grande aprova e admira o seu trabalho", disse o parlamentar, afirmando que o apoio do prefeito pode definir o processo interno pela vaga.

Tanto Nelsinho quanto o vice-prefeito Edil Albuquerque afirmaram que Moka já abriu mão de projetos pessoais, em outras ocasiões, por interesses partidários, e que chegou sua vez de concorrer ao Senado.

"O Moka sempre honrou as cores do PMDB, é mais que justa essa sua aspiração. Acho que nosso partido é democrático, livre, um partido de debate, e tenho certeza de que quem sairá ganhando com isso é o filiado do PMDB", declarou Nelsinho.

"Ele foi partidário, cedeu em suas pretensões. Chegou sua hora", resumiu Edil.

Moka garante já ter a adesão "aberta e declarada" de 60 prefeitos ao seu projeto.

Valter Pereira também tem percorrido o interior realizando reuniões com filiados ao PMDB. Ele afirma que a estratégia de Moka é fazer uma campanha "de cúpula", mas que os militantes é que votam e são eles que vão decidir quem vai disputar o cargo no pleito deste ano.

A eleição prévia para o Senado acontecerá no dia 7 de março, na escola Joaquim Murtinho, em Campo Grande, das 9 horas às 17h, por meio de urna eletrônica. A sondagem aos militantes também ocorre nos outros 77 municípios de Mato Grosso do Sul.

Companheiros

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions