A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

12/09/2018 16:46

Nova pesquisa aponta liderança de Bolsonaro e empate entre 4 candidatos

Bolsonaro aparece com 26,6% das intenções de voto; Ciro, Marina, Alckmin e Haddad aparecem empatados dentro da margem de erro na segunda posição

Humberto Marques
Bolsonaro apareceu com 26,6% das intenções de voto em levantamento da Paraná Pesquisas. (Foto: Arquivo)Bolsonaro apareceu com 26,6% das intenções de voto em levantamento da Paraná Pesquisas. (Foto: Arquivo)

Mais uma pesquisa de intenções de voto colocou o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) na liderança da corrida pela sucessão presidencial. E

le aparece com 26,6% das intenções de voto me levantamento da Paraná Pesquisas encomendado pela Empiricus Research, ou 2,7 pontos percentuais acima dos 23,9% do levantamento de agosto do mesmo instituto –no cenário que já incluía Fernando Haddad como candidato do PT e depois do atentado sofrido em Juiz de Fora (MG) que o manterá afastado da campanha.

Ciro Gomes (PDT) manteve a posição de outros levantamentos: é o segundo colocado, com 11,9% das intenções de voto –1,7 pontos percentuais acima dos dados de agosto. O pededista aparece em um cenário de empate técnico com outros três candidatos, considerando-se a margem de dois pontos percentuais para mais ou para menos –mesmo resultado apontado na noite de terça-feira em levantamento do Ibope, envolvendo os mesmos concorrentes.

Marina Silva (Rede) é a terceira colocada, com 10,6% das intenções de voto, à frente de Geraldo Alckmin (PSDB), com 8,7%, e Fernando Haddad, com 8,3%. Enquanto Marina caiu 2,6 pontos percentuais, Haddad registrou crescimento de 4,5 pontos. Ele foi confirmado nesta semana o substituto de Lula na disputa –o ex-presidente está preso por condenação no caso do triplex do Guarujá, levantado durante a Operação Lava Jato.

Álvaro Dias (Podemos) somou 3,7%; João Amoêdo (Novo) teve 3,3%; e Henrique Mairelles (MDB), 2,4%. Guilherme Boulos (Psol) totalizou 0,8%, Vera Lúcia (PSTU) teve 0,7%; Cabo Daciolo (Patriota) chegou a 0,6%; enquanto João Goular Filho (PPL) somou 0,4% e Eymael (DC), 0,2%.

Segundo a Paraná Pesquisas, 16% dos entrevistados disseram não votar em nenhum dos candidatos, e 5,8% não souberam responder.

Segundo turno – Os eleitores entrevistados também foram consultados sobre quais candidatos acreditam que estará no segundo turno das eleições. Bolsonaro foi apontado como finalista da disputa por 51,9% dos entrevistados.

Ciro Gomes (PDT) foi citado por 26% dos participantes do levantamento, enquanto Geraldo Alckmin foi lembrado por 23,7%. Marina Silva disputará a etapa final do pleito pára 18,2% dos entrevistados, enquanto Fernando Haddad foi a resposta dada por 14,8%.

Álvaro Dias foi apontado por 4,7% dos entrevistados; João Amoêdo por 2,5%; João Goulart Filho por 0,8%; Vera Lúcia por 0,7%; Daciolo e Boulos por 0,6%; e Eymael por 0,2%. Para 2,4% dos participantes da pesquisa, nenhum dos concorrentes aparecerá no segundo turno e 15,1% não soube responder.

Rejeição – Os entrevistados também responderam sobre o potencial de voto dos candidatos. Sobre Bolsonaro, 53,2% disseram não votar no deputado de forma alguma. A mesma resposta foi dada para 52% dos entrevistados em relação a Ciro Gomes.

Sobre Marina, o índice foi de 54,8%; chegando a 60,34 a Alckmin e 62,6% a Haddad –apontado ainda como principal destino dos votos de Lula.

A pesquisa ainda apurou, entre os entrevistados, que 89,5% garantem que votarão nas eleições deste ano, ao passo que 6,6% se negam e 3,9% se disseram indecisos.

A Paraná Pesquisas entrevistou 2.010 eleitores entre os dias 7 e 11 de setembro em 167 municípios do país. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, com um grau de confiança de 95%. O levantamento foi registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o código BR-02410/2018.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions