A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Agosto de 2019

08/07/2019 09:35

Para segurança, proposta prevê policial atuando dentro das escolas

Matéria foi apresentada na Assembleia e vai ser votada em breve pelos deputados estaduais

Leonardo Rocha
Escola Estadual Joaquim Murtinho, em Campo Grande (Foto: Arquivo)Escola Estadual Joaquim Murtinho, em Campo Grande (Foto: Arquivo)

Com a intenção de dar mais segurança aos alunos e funcionários, foi apresentado projeto de lei que prevê a presença de um policial ou guarda municipal dentro das escolas estaduais, em que poderá atuar de forma preventiva e repressiva, se houver qualquer incidente no local.

A proposta do deputado Jamilson Name (PDT) tem a intenção de ampliar o programa “Escola Segura”, que já é desenvolvido pelo governo estadual, com ações educativas, de conscientização, mas também com ronda (policial) nas escolas.

Segundo o autor, a intenção é que com este profissional (guarda ou policial), possa ficar atento e agir contra ocorrência de violência, assim como consumo de drogas e álcool nas unidades, tendo sua atuação no interior das escolas. Esta é mais uma medida no legislativo após a tragédia que ocorreu no município de Suzano (SP), que resultou na morte de dez pessoas, após atentado na escola.

“As notícias veiculadas mostra diversos tipos de violência em escolas de todo o País, com triste e alarmante índice de tráfico e consumo de drogas. O guarda municipal ou policial dentro das escolas será essencial”, justifica o parlamentar.

O projeto é mais um que tenta levar segurança para escolas, no entanto os outros foram rejeitados pela CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação), porque ao prever novas despesas ao governo estadual, foram considerados inconstitucionais.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions