A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

12/06/2015 10:45

Parlamentares repassam 120 mil reais para entidades da Capital através do FMIS

Juliana Brum
Vereador Carlão fala da importância dos recursos doados através do FMIS (Foto - Marcelo Calazans)Vereador Carlão fala da importância dos recursos doados através do FMIS (Foto - Marcelo Calazans)

Entidades da Capital que atuam na área da Saúde e da Educação receberão recurssos do FMIS (Fundo Municipal de Investimento Social, Lei Municipal 5.401/14) através dos vereadores da Capital, pelo segundo ano consecutivo.

Através do Fundo os vereadores recebem 120 mil reais para encaminhar para as entidades da Capital. O vereador Carlos Augusto Borges (Carlão PSB) protocolou na quinta-feira (11) na Secretaria Municipal de Saúde os documentos necessários para destinar recursos previstos pelo FMIS. Ao todo serão R$ 60 mil para três instituições: Sirpha Lar do Idoso, Hospital São Julião e Sociedade Educacional Juliano F. Varela os outros R$60 mil reais vão ser destinados para entidades na área social. Elas ainda estão na fase de análise dos planos de projetos apresentados.

“Essas entidades merecem receber ajuda do Poder Público porque atendem a comunidade e são comprovadamente instituições sérias e com credibilidade. Muitas vezes fazem o trabalho que deveriam ser efetuados pelos governos. O terceiro setor sempre serviu como um ponto de apoio importante às comunidades, principalmente nas áreas mais pobres. Como tenho origem no trabalho comunitário, conheço bem as ações desenvolvidas pelas instituições do terceiro setor que é constituído por organizações sem fins lucrativos e não governamentais, que têm como objetivo gerar serviços de caráter público”, avaliou  o vereador Carlão.

O Fundo não autoriza que as entidades tanto sociais quanto de saúde recebam mais de uma doação, de vereadores diferentes. Desta forma ampliando o número de entidade contempladas.

O vereador Chiquinho Telles (PSD) também já se organizou para destinar sua doação. Os locais foram escolhidos pela relevância dos atendimentos prestados e com base nos critérios solicitados afirmou o deputado Telles.

Entre as entidades escolhidas na área de saúde estão: AMA (Associação de Pais e Amigos dos Autistas), que será contemplada com emenda no valor de R$ 10 mil para ser utilizada na área de saúde, R$ 20 mil para a APAE – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Campo Grande, prevista para ser utilizada para aquisição de kits laboratoriais para realização de exames pré-natal, que atenderá pelo menos 4500 gestantes na capital e a Maternidade das Moreninhas no valor de R$ 30 mil para aquisição de aparelhos de oxímetro, utilizados para monitorar sinais vitais das pacientes.

Na área social, os valores ficaram divididos entre o Centro de Convivência do Idoso da Moreninha III que receberá R$ 30 mil para serem investidos na reforma e compra de materiais para o local e a Associação de Moradores da Moreninha III, que também receberá R$ 30 mil que será destinado para reforma da sede do centro comunitário.


Uma exigência para a liberação do recurso é que seja repassado  mediante emendas com plano de trabalho apresentado de forma oficial e contas prestadas pelos responsáveis.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions