A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

01/10/2013 09:44

Prefeito promete não reagir com radicalismo contra "onda de invasões"

Kleber Clajus

Apesar de considerar as invasões de áreas públicas terem "motivação política", o prefeito da Capital, Alcides Bernal (PP), afirmou que não vai reagir com radicalismo contra os invasores. Ele disse, em entrevista ao programa Tribuna Livre, da FM 95,9, que nomeou uma equipe para resolver o problema. 

“Quando assumimos percebemos movimentação encabeçada por políticos. Na sequencia, houve invasão de áreas que não estavam invadidas. Agora não podemos agir de radicalismo com essas famílias porque elas, na verdade, podem estar sendo vítimas da situação”, resaltou.

O prefeito citou o caso da favela Cidade de Deus, em que os moradores já foram por três vezes a Câmara de Vereadores protestar por moradia neste ano.

De acordo com ele, a prefeitura já encaminhou técnicos da Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) para incluir as famílias no CadÚnico, cadastro único para programas sociais do Governo Federal. Equipes da EMHA (Empresa Municipal de Habitação) também teriam inscrito os moradores na fila para concessão de residências subsidiadas.

“Lá na Cidade de Deus aumentou o número de famílias que tem a esperança de ter sua casa e vamos construir as casas para quem precisa de verdade, sem politicagem e com critérios técnicos”, pontuou Bernal ao lembrar a existência de 6 mil casas em fase de construção e conclusão de acabamento em Campo Grande.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions