A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

17/01/2013 15:34

Prefeito recua e diz que tentará manter Câmara na atual sede

Fabiano Arruda e Helton Verão
Prefeito Alcides Bernal destaca que vereadores estão adaptados ao atual prédio. (Foto; Rodrigo Pazinato)Prefeito Alcides Bernal destaca que vereadores estão adaptados ao atual prédio. (Foto; Rodrigo Pazinato)

Após declarar na manhã desta quinta-feira que determinou que suas equipes buscassem um novo local para a Câmara Municipal de Campo Grande, o prefeito Alcides Bernal (PP) recuou nesta tarde e disse que vai tentar manter o prédio do Legislativo no atual local.

Segundo ele, a Câmara está adaptada, embora o espaço seja escasso para comportar a estrutura demandada pelos 29 vereadores.

De pronto, o presidente da Casa, vereador Mario Cesar (PMDB), endossou as declarações do progressista sobre a manutenção da sede. As declarações foram feitas durante a cerimônia de posse de Marcos Alex (PT).

Manter os vereadores no atual endereço não será tarefa fácil. Dois dos três desembargadores da ação que pede o despejo dos parlamentares, movida pela Haddad Engenheiros Associados Ltda, já deram voto favorável ao despejo. O julgamento da ação ocorre até o final do mês.

Hoje pela manhã, o prefeito revelou que iria conversar com os vereadores sobre o futuro da Câmara e chegou a sinalizar a antiga rodoviária como possibilidade.

Ele comentou considerar difícil o pagamento de aproximadamente R$ 41 milhões para resolver a situação na Justiça. A Haddad cobra R$ 11 milhões em aluguéis atrasados e R$ 30 milhões pela desapropriação do prédio.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions