A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

01/02/2014 08:34

Presidente da Câmara descarta abrir 2ª Comissão Processante contra Bernal

Josemil Arruda

O presidente da Câmara de Campo Grande, vereador Mario Cesar (PMDB), garantiu que não deverá ser criada uma segunda Comissão Processante contra o prefeito Alcides Bernal (PP), enquanto o resultado da primeira não for concluído. A Comissão Processante criada no dia 15 de outubro do ano passado já concluiu seu relatório, propondo a cassação do prefeito, e a Câmara já começou a sessão de julgamento, mas esta foi suspensa por determinação judicial.

“Não pretendemos criar uma nova Comissão Processante porque senão iria passar a impressão de que queremos cassar o prefeito Alcides Bernal a qualquer custo e não é essa a intenção”, afirmou Mario Cesar, após prestigiar a filiação do conselheiro aposentado José Ancelmo ao PSB.

Na Câmara há pedido de providências do Ministério Público Estadual (MPE) em relação aos remanejamentos orçamentários feitos por Bernal sem autorização legislativa. Através da ação de nº 0843476-91.2013.8.12.0001, que tramita na 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos de Campo Grande, os promotores Fabrício Proença de Azambuja, Alexandre Capiberibe Saldanha e Henrique Cândia pedem a condenação de Bernal e do secretário municipal de Planejamento, Finanças e Controle, Wanderley Ben Hur, por improbidade, sob alegação de que ambos deram prejuízo de R$ 110,4 milhões ao erário público, com aberturas de créditos suplementares

Mario Cesar reafirmou que a Procuradoria Jurídica da Câmara de Campo Grande vai “esperar o julgamento do mérito” do mandado de segurança impetrado pelo prefeito Alcides Bernal. Não está sendo cogitado, segundo ele, promover qualquer outro tipo de ação judicial para a retomada do julgamento, suspenso no dia 26 de dezembro passado.

“Os vereadores fizeram a parte deles e provaram que iriam com o processo até o final, que a Comissão Processante não seria apenas uma forma de atacar o prefeito”, sustentou o dirigente. “E também ficou provado que todo apoio que o prefeito recebeu no dia do julgamento foi feito por aliados dele, com cargos de confiança, e secretários, os quais não representavam a vontade da população”, concluiu.

Na quinta-feira (30), o prefeito entrou com novo recurso contra a Comissão Processante no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.



Caro José, e o quê o Bernal fez durante o ano pasado? Caro Júlio, o que vc quer dizer com "votar certo", de fato? Não sendo no PT... Seria isso, mais ou menos?
 
luiz carlos em 01/02/2014 17:42:35
Já dizia minha vó : Mente desocupada; Oficina de satanás; ......................Vão trabalhar, e Deixem o prefeito trabalhar........ Respeitem os votos do povo.
 
Selma Maria em 01/02/2014 17:06:37
Olha vc esta enganado Mario César larga de palhaçada e vai trabalhar em prol da população
 
Roberto Domingos em 01/02/2014 15:45:28
JOÃO BATISTA ......VALEU..! É ISSO MESMO..!
 
carlos cruz em 01/02/2014 12:02:33
o que esses vereadores fizeram em 2013 nada nao tiveram um projeto de nada so ganhando dinheiro sem fazer nada antes de caçar o prefeito veja o seu lado se esta tudo direito
 
jose alves em 01/02/2014 11:50:39
Concordo com o João Batista, que representante nós temos? nenhum acorda Campo Grande precisamos mudar temos de tirar esses tranqueiras do poder só basta a gente votar certo na próxima eleição, inclusive pra governador.
 
julio roque em 01/02/2014 11:38:25
ME ENGANA QUE EU GOSTO,ALIAS NAO ME ENGANA QUE EU DETESTO QUEM NAO TE CONHECE QUE TE COMPRE VOU REPETIR A VACA FOI PRO BREJO ALIAS PRO PANTANO JUNTA SUA CORJA E VAI TRABALHAR PORQUE SE O PREFEITO E RUIM,POSSO AFIRMAR QUE VCS SAO OS PIORES VEREADORES QUE JA PASSARAM PELA CAMARA NOS ULTIMOS TEMPOS E EU ESPERO QUE VENCENDO SEUS MANDATOS NUCA MAIS VOLTEMMMMMMMMMMMMMMM
 
JOAO BATISTA em 01/02/2014 09:59:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions