A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

12/12/2012 12:11

Projeto do IPTU tem que ser votado até semana que vem, cobra prefeito

Fabiano Arruda e Mariana Lopes
Nelsinho concedeu entrevista durante inauguração de laboratório em escola no Aero Rancho, nesta manhã. (Foto: Rodrigo Pazinato)Nelsinho concedeu entrevista durante inauguração de laboratório em escola no Aero Rancho, nesta manhã. (Foto: Rodrigo Pazinato)

O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), chamou atenção para que os vereadores votem, no máximo até a próxima semana, o projeto que indica reajuste de 5,3% do IPTU para 2013.

Segundo ele, a matéria tem de ser avaliada pelos parlamentares o mais rápido possível para que haja tempo de os carnês serem levados até o dia 20 aos Correios e, assim, serem distribuídos.

Trad ainda comentou que são 400 mil boletos a serem distribuídos.

O chefe do Executivo Municipal também destacou que a Prefeitura vai encerrar 2012 com 85% de adimplência no IPTU.

Nelsinho deu as declarações enquanto participava de agenda pública nesta manhã. Ontem (11), vereadores cobraram posicionamento do prefeito eleito, Alcides Bernal (PP), sobre a votação do projeto na Câmara.

Segundo o presidente da Casa, Paulo Siufi (PMDB), há um entendimento de que caso Bernal peça pelo congelamento ou pelo aumento do tributo, a solicitação será aceita.

Vanderlei Cabeludo (PMDB) assegurou que vota pelo congelamento. “O Bernal é um cara que não conversou com ninguém. Ele queria congelar e agora vamos congelar”, disse, sobre seu posicionamento.

Nas ocasiões em que foi questionado sobre o aumento do IPTU, até agora, Bernal fez questão de afirmar que qualquer decisão até 31 de dezembro cabe ao atual prefeito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions