A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

08/02/2010 11:04

PSDB adia definição de alianças para depois do Carnaval

Redação

O PSDB adiou novamente, desta vez para depois do Carnaval, a definição sobre seu posicionamento político nas eleições deste ano em Mato Grosso do Sul.

Na prática, a cúpula do partido só vai tomar decisões após conversar com o presidenciável José Serra, encontro que vem sendo adiado desde dezembro.

Segundo o presidente regional do partido, deputado estadual Reinaldo Azambuja, Serra deve lançar oficialmente sua candidatura à República em março. Só quando isso ocorrer, os tucanos anunciarão se vão esperar a posição do governador André Puccinelli (PMDB) ou se lançarão a senadora Marisa Serrano na corrida ao Parque dos Poderes.

Tanto Reinaldo quanto Marisa se mostraram tranqüilos quanto à demora nas definições. A senadora disse que tudo tem "o tempo certo" na política e que o partido está se preparando para 2010, independente de outras legendas.

Também classificaram como naturais as críticas que vêm sofrendo de setores do PMDB, aliado histórico há anos dos tucanos.

O presidente da Assembléia, Jerson Domingos (PMDB), fez ataques pessoais à senadora e principalmente à possibilidade de candidatura própria do PSDB.

O que irritou as principais lideranças peemedebistas foi o possível "mote" para a campanha, defendido por Marisa, que seria: "você está satisfeito com o que tem visto no Estado?"

Em tom de ironia, Jerson respondeu à crítica dizendo que vai perguntar à senadora "o que falta para que o Estado fique do gosto dela".

"Cada partido tem uma tática, essa é a deles e eu respeito. Essas críticas vieram porque eles sentiram a possibilidade de eu sair candidata e tentaram me desqualificar. O recado que eles mandaram foi esse, não levantem a cabeça!", rebateu Marisa.

Reinaldo disse que o PSDB tem uma chapa competente, palanque nacional forte e que Marisa Serrano foi o foco destas criticas por ser a liderança mais forte do partido em Mato Grosso do Sul.

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions