A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

08/03/2014 08:57

PT regional nega que exista discussão sobre rompimento com Bernal

Josemil Arruda
Paulo Duarte comanda reunião do PT na segunda-feira (Foto: arquivo)Paulo Duarte comanda reunião do PT na segunda-feira (Foto: arquivo)

O presidente regional do PT e prefeito de Corumbá, Paulo Duarte, garante que não existe hoje nenhuma discussão dentro do partido sobre rompimento com o prefeito Alcides Bernal (PP), embora possa haver alguma insatisfação. O PT é o principal partido que dá sustentação política a Bernal, tanto na Câmara, com três vereadores, quanto na administração, com dois secretários, Semy Ferraz na pasta de obras e Thaís Helena na de Assistência Social.

Na próxima segunda-feira, a direção estadual do PT faz reunião ordinária e a situação de Bernal, com a retomada da sessão de julgamento na Câmara que pode resultar na cassação, deve ser avaliada. Indagado se a continuidade ou não do apoio ao prefeito, Duarte respondeu: “Não tem nada disso. Tem reunião como tem toda semana e é ordinária. Não tem nada na pauta que seja exclusiva sobre o Bernal, embora possa até rolar essa conversa”.

Instado a fazer uma avaliação sobre a gestão de Bernal e o atual cenário político da Capital, Paulo Duarte disse que esse assunto é muito mais para os vereadores da Capital e a direção do PT em Campo Grande. “A gente no PT tem uma liturgia. As discussões primeiro passam pelas direções municipais”, apontou.

Garantiu, porém, que não há momento nenhum movimento pelo rompimento com Bernal. “Não há ainda nenhuma discussão sobre isso até porque o que tem hoje é a judicialização, que é ruim para a cidade”, opinou o dirigente.

Bastidores – Apesar de não estar na ordem do dia o rompimento com Bernal, há uma insatisfação com a teimosia do prefeito Alcides Bernal em promover as mudanças necessárias no campo político para ampliar sua base de sustentação política na Câmara e a lentidão quanto a tomada de decisões importantes para a administração e a cidade.

O senador Delcídio do Amaral, que apoiou decididamente a construção de um governo de coalizão, não esconde essas críticas, mas sabe que Bernal ainda é a melhor opção política para os planos do PT nas eleições deste ano. Pré-candidato a governador pelo PT, Delcídio torce pra que a administração do progressista dê certo.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions