A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

25/09/2012 06:34

Puccinelli entrega veículos e equipamentos à Sanesul e lança conta em braile

Paula Maciulevicius

O governador André Puccinelli (PMDB) faz a entrega nesta terça-feira de veículos e equipamentos para manutenção do sistema de abastecimento de água e de esgotamento operadas pela Sanesul.

Na ocasião, Governo e Sanesul lançam a conta de água em braile. O objetivo é promover o acesso e a inclusão social de clientes com deficiência visual.

A solenidade será realizada logo mais, às 8h, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo. Faz parte do projeto da Sanesul de ampliação e renovação da frota de veículos e equipamentos de manutenção e operação dos sistemas.

Ao todo serão entregues seis retroescavadeiras com cabine aberta e tração 4x2, nove caminhões de médio porte equipados com carroceria caçamba basculante, 29 utilitários do tipo picape, 39 motocicletas de 125 cilindradas para carga, 30 conjuntos motobomba para esgotamento de vala, 30 máquinas para corte de asfalto, 30 compactadores de solo a percussão e 250 computadores com processador I5 e monitores de 22 polegadas.

O investimento para esta etapa em equipamentos é de cerca de R$ 3,8 milhões de recursos próprios da empresa.

Assembleia recebe prestação de contas e fará limpeza de pauta antes do recesso
A última semana de trabalho do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul em 2017 será aberta com a audiência pública para prestação de contas do govern...
Assembleia vota prorrogação de adesão a fundo que regula incentivos fiscais
A prorrogação até 30 de dezembro do prazo para que empresas beneficiadas com incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado se inscrevam no Fad...
Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...


Todos os setores do serviço público que tratam do atendimento direto à população deveriam dispor de mecanismos de inclusão. Com tanto dinheiro que se gasta com bobagens, pra não dizer outra coisa, pq não capacitar servidores públicos para atender um surdo-mudo por exemplo? Com parcerias o governo praticamente não teria gastos para realizar tal serviço. Delegacias, postos de saúde, pelotões da PM.
 
Adriano Silva em 25/09/2012 10:00:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions