A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

03/08/2018 10:28

Puccinelli, filho e advogado são alvos de nova denúncia à Justiça

Segundo Renê Siufi, o MPF ingressou com o processo, cujo conteúdo ainda não teve acesso

Mayara Bueno e Leonardo Rocha
Entrada do Centro de Triagem, na manhã desta sexta-feira (dia 3). (Foto: Marina Pacheco).Entrada do Centro de Triagem, na manhã desta sexta-feira (dia 3). (Foto: Marina Pacheco).

Advogado do ex-governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (MDB), Renê Siufi afirmou que o MPF (Ministério Público Federal) denunciou o ex-chefe do Executivo estadual, o filho, André Puccinelli Júnior, e o advogado João Paulo Claves - todos presos - à Justiça Federal.

A reportagem entrou em contato com o Ministério Público e a Justiça, mas ambos começam o atendimento somente no período da tarde. O Campo Grande News apurou que o MPF não vai se manifestar, pois os autos de inquérito são sigilosos. No sistema ainda não aparece nenhum novo processo.

Por sua vez, a defesa afirma que não tem ainda conhecimento do teor da denúncia e que vai buscar acesso hoje. Na manhã desta sexta-feira (dia 3), Renê Siufi e o advogado André Borges foram ao Centro de Triagem, onde o trio está preso.

De acordo com Renê, o ex-governador "está muito indignado com a prisão e com a investigação". A visita ao presídio, afirma, foi para colocá-los a par da nova situação - denúncia do MPF.

Sobre o recurso que tenta reverter a prisão de Puccinelli, do filho e do advogado, a defesa afirma que aguarda a designação do relator que vai analisar o pedido no STF (Supremo Tribunal Federal). Dois recursos, primeiro no TRF3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região) e depois no STJ (Superior Tribunal de Justiça), foram negados anteriormente.

Com isso, a prisão dos três completa hoje três semanas. A prisão é preventiva e, até então, não havia denúncia formalizada. As detenções eram decorrentes das operações deflagradas pela Operação Lama Asfáltica, maior operação contra corrupção no Estado. A ação contabiliza cinco fases, investiga desvio de R$ 300 milhões, conta com delação premiada e bloqueio de bens.

O Campo Grande News apurou que os deputados Eduardo Rocha e Márcio Fernandes, ambos do MDB, estão no presídio reunidos com André Puccinelli. O presidente do PTC em MS, Cesar Gazzola chegou há pouco no Centro de Triagem para conversar com o emedebista.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions