A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

03/05/2013 18:09

Punições podem levar Câmara a convocar chefe da Guarda Municipal

Zemil Rocha
Coronel Jonnys Cabreira pode ser convocado pela Câmara  (Foto: Pedro Peralta)Coronel Jonnys Cabreira pode ser convocado pela Câmara (Foto: Pedro Peralta)

Uma nova crise política entre a gestão do prefeito Alcides Bernal e os vereadores está prestes a ser detonada. A Câmara de Campo Grande poderá votar já próxima semana a convocação do comandante da Guarda Municipal, coronel Jonnys Cabreira Lopes. “Acabei de falar com o vereador Paulo Pedra e nós dois vamos apresentar pedido de convocação do comandante da Guarda Municipal, por estar perseguindo as lideranças da categoria”, afirmou o vereador Alceu Bueno (PSL).

Três líderes dos guardas municipais de um total de 20 que trabalham na Câmara já teriam sido transferidos para locais distantes em represália por estarem mobilizando a categoria.Outros três, segundo um dos líderes, que prefere não se identificar para não sofrer mais prejuízos, correm o risco de serem transferidos. “No total seis devem ser tirados da Câmara”, informou ele.

Trata-se de punições injustificáveis, segundo Alceu Bueno, pela mobilização que está sendo feitas pelos líderes a favor da aprovação da Proposta de Emenda à LOM (Lei Orgânica Municipal) que autoriza o uso de arma de fogo pelos guardas municipais da cidade. Também estariam ocorrendo “ameaças” aos guardas para que não compareçam à Câmara na próxima terça-feira (7), data da votação do projeto.

“O comandante está coagindo os guardas municipais. Vamos entrar com pedido de convocação para dar explicação para os vereadores, dizer a mando de quem e porque ele está agindo assim”, afirmou Alceu Bueno.

Um dos líderes que foram transferidos garante que não há base legal para os remanejamentos. “Foi sem motivo nenhum. Eu mesmo não tem falta, nunca passei por sindicância”, argumento o guarda punido.

Para ele, o prefeito Alcides Bernal está tentando “enfraquecer” o movimento dos guardas pelo direito de portas armas de fogo. “O efeito vai ser contrário. Vai fortalecer mais ainda”, garantiu ele.

O chefe de equipe de plantão da Guarda Municipal, identificado como Ponce, não soube informar os motivos da transferência. Já a assessora da imprensa da corporação afirmou que não houve punição por causa da mobilização pela aprovação do projeto que permite o uso de armas. “Não é verdade. Remanejamentos acontecem com frequência, seja por tempo de serviço, por estar mais próximo das casas dos guardas e outros”, argumentou ela.

 

 



Em Corumbá, a retalhação do prefeito foi desvalorizar os guarda municipais, reduzindo o salário, o menor salário base da prefeitura municipal de Corumbá, que é pra concurso de nível fundamental, é de 747 r e, pra guarda municipal que é de nível MÉDIO, é de 678 r, absurdo! Foi o único setor da prefeitura que teve um aumento apenas pra não ficar abaixo do salário mínimo.
 
Augusto Roberto Assis em 14/05/2013 10:46:05
Pois bem vi estes comentários e percebo o quanto existem pessoas que tem um total desconhecimento do que significa "categoria unida", não vou criticar o atual prefeito pois tenho ciência do que é colocar a casa em ordem sem base política, por outro lado existe sim uma perseguição velada, baixa e mesquinha, já vi isso na era "Ten. Xavier" onde a ignorância e arrogância predominava, os guardas daquela época eram totalmente desunidos queriam defender seus interesses e os outros que se danem, agora esta cultura está de novo nas mentes destes guardas que só pensam em olhar para seu próprio umbigo e digo mais tem muitos, infelizmente percebo que a "burrice" impera sobre os ombros azul marinho temos um efetivo de quase 1500 homens e mulheres, acordem para a força que temos unidos.
 
silas araújo em 05/05/2013 15:03:06
Dizer que toda a guarda votou no senhor bernal e uma blasfemia.
Como todos sabemos, o senhor Bernal tem mania de perseguicao. Ja foi dido por ele mesmo que o pessoal do ( centro de atendimento ao consumidor; prefeitura; camara municipal....) tem a cara do ex prefeito.
Senhor Bernal, por favor, cuida da nossa cidade que ta aos caos. Chega de picuinha.
 
ana silva em 04/05/2013 14:25:04
TEM GENTE QUE DISSE QUE QUANDO FEZ CONCURSO DA GUARDA SABIA QUE NÃO IA FICAR EM POSTO FIXO...ISSO É CLARO TODOS SABEM...AGORA O QUE ESTÁ SENDO DEBATIDO É A PERSEGUIÇÃO QUE ALGUNS GUARDAS MUNICIPAIS VEM SOFRENDO...NÃO É JUSTO O GUARDA SER REMANEJADO DE POSTO SEM QUALQUER EXPLICAÇÃO...TEM MUITO PUXA SACO DO COMANDO AQUI QUE SÓ OLHA O PRÓPRIO NARIZ...PELO AMOR DE DEUS NÃO SEJAMOS HIPÓCRITAS AO PONTO DE DIZER QUE NÃO EXISTE PERSEGUIÇÃO NA GUARDA..CONHEÇO AMIGOS MEUS GUARDAS QUE FORAM REMANEJADOS SEM MAIS NEM MENOS PRA MAIS DE 22 KM DE SUA CASA..PAREM DE PUXAR SACO E ACORDEM !!! PARABÉNS AOS VEREADORES...ESPERO QUE ELES FAÇAM ESSE "BOMBEIRO" EXPLICAR O PQ DA PERSEGUIÇÃO
 
rafael benites em 04/05/2013 11:18:34
Armar Guardas Municipais, NÃOOO!!!
 
MARCELLO MENDES em 04/05/2013 10:30:15
Gostaria de saber de todos que afirmam que a guarda municipal votou em peso no Bernal, como vcs tem certeza disto? O voto afinal não é secreto? Ainda, independente de terem votado ou não no Bernal o prefeito deve "administrar" uma cidade, não ser dono! Para impedir esta situação é que há a justiça e o poder legislativo.
Mas é bom que a sociedade saiba que o período de trabalho dos guardas municipais foi alterado, agora trabalham direto por 24 horas, com um detalhe só entregam o marmitex referente ao almoço ou guardam o q sobrar de refeição (se tiver geladeira no local de trabalho, é claro) ou passam de estômago "liso" na janta. Detalhe eles não podem abandonar o posto de trabalho durante o expediente para buscarem comida. ABSURDO!!!!
 
rita de cassia em 04/05/2013 10:11:53
Não falem o que não sabem sou guarda e não é nada disso, para começar o coronel Jonnys ja é um dos melhores comandantes que a guarda municipal ja teve, segundo os que se dizem lideres da guarda, queriam estigar os outros guardas a fazer greve na primeira semana de Bernal na administração, isso não tem cabimento, terceiro antes de armar a guarda municipal tem que criar uma identidade pra guarda, melhorar salários, dar mais atribuições, e treinamentos, cursos e tudo mais, arma é ilusão, é problema, se estes lideres querem melhorias, querem poder, briguem pelo poder da caneta, como tem os agentes da AGETRAN, muito mais vantajoso, menos perigoso e ainda da retorno para a prefeitura..
 
Fernando J Muller Crespim em 04/05/2013 09:57:23
Eles votaram no que acharam melhor, democracia... mesmo assim nao justifica a persiguicao, tem que levar isso as autoridades competentes para investigacao !!
 
Fabiano Reis em 04/05/2013 08:41:14
Esse coronel tem cara de zé mané, está no local errado, tem que mexer com incêndios, defesa civil, e outra coisas mais. Também não deve ser PM, pois só sabem "abrir sindicâncias", pensando que estão dentro dos quartéis. Tem mais, estão tratando a Guarda Municipal como se fossem militares, nada a ver.
 
João do Carmo em 03/05/2013 21:24:10
É, não há nada de errado, não tem punição nenhuma, tá tudo certo!, á vá, contem outra, que essa conversa ninguém acredita não, eita Brasil, um País de tolos.
 
Marcelo Maciel da Silva em 03/05/2013 20:42:16
Campo Grande News, muito obrigado por esta matéria, fiquei muito feliz em ler e adorei saber que isso esta ocorrendo, afinal, foi essa mesma guarda que votou em massa nessa administração e que queria " mudanças " pois bem, ai estão elas...então NÃO RECLAMEM!!!
 
Marco Antonio em 03/05/2013 20:30:50
Sr. Alisson Costa, os guardas municipais votaram em peso no Bernal, e não nesse coronel, o que acontece é que a Policia Militar não quer ver a guarda municipal armada, e essas transferencias também tem algum cunho politico interno, meu filho é guarda minicipal, e também foi transferido do local de trabalho sem motivo, trabalhava perto de casa, agora está no outro lado da cidade, é só os vereadores não terem medo e votarem a favor da guarda.
 
Valdir Viganó em 03/05/2013 20:17:59
Quando eu fiz concurso para Guarda Municipal no edital dizia que era para cuidar de prédios públicos e não fazia distinção de ficar fixo em postos. Salvo engano em nosso mapa cartográfico podemos chegar até no fundo de Nova Alvora do Sul. Guardas Chorões que só reclamam vamos trabalhar gente e parem de picuinha. O que acontece é que esses guardas sempre ficaram nos melhores postos e não querem ficar em posto ruim, só que se esquecem que nos postos ruins e mais longínquos tem guarda como nesse, o que custa dar uma revezada com os seus pares de farda. LARGA DE CHORAR POR COISA BOBA GUARDA! Armamento porque esses vereadores não votaram antes? Pois à 12 anos eles estavam no poder e nunca fizeram nada por nossa classe. E viva os 18% que o nosso prefeito nos deu!!!! Estamos juntos Bernal!!!!!!
 
Julio Siqueira em 03/05/2013 20:16:46
pura mentira da assessora da guarda, como ela explica a perseguição do comando com o pessoal que faz parte da diretoria do sindicato,que tambem foram remanejados sem qualquer motivo do comando da GM, o MP tem que investigar essas irregularidades pois ha muitas abrão o olho
 
anderson camargo em 03/05/2013 19:17:32
nao queriam o BERNAL agora aguenta e o BERNAL?kkkkkkkkkkkkkkkkkk
 
silvio borges em 03/05/2013 19:11:07
Estão reclamando de quê? A guarda Municipal votou em peso nele.
 
Alisson Costa em 03/05/2013 18:53:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions