A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018

10/11/2014 16:17

Reinaldo pede ajuda ao TCE para treinar servidores para melhorar gestão

Edivaldo Bitencourt e Ludyney Moura
Waldir (a esquerda) conversa com Reinaldo e Rose Modesto (Foto: Alcides Neto)Waldir (a esquerda) conversa com Reinaldo e Rose Modesto (Foto: Alcides Neto)

O governador eleito Reinaldo Azambuja (PSDB) pediu ajuda do TCE (Tribunal de Contas do Estado) para treinar e qualificar os servidores públicos estaduais com o objetivo de melhorar a gestão dos recursos públicos. Ele também prometeu disponibilizar um procurador do Estado para ajudar na fiscalização por parte da corte fiscal.

O acordo foi acertado em reunião, das 14h30 às 15h40 de hoje, entre o tucano, a vice-governadora eleita, Rose Modesto (PSDB), e o presidente eleito do TCE, Waldir Neves, e os conselheiros Marisa Serrano, Iran Coelho e Ronaldo Chadid, e o procurador geral de Contas, Aêdo Camilo.

A visita foi de cortesia, como já foi realizado junto ao Tribunal de Justiça, Governo estadual e MPE (Ministério Público Estadual).

Segundo Azambuja, o TCE terá participação especial, principalmente, em treinar e formar servidor para melhorar a gestão e elevar o desempenho da administração pública estadual na aplicação dos recursos públicos.

Neves destacou que o Tribunal de Contas tem o maior banco de dados do Estado, já que tem dados de todos os 79 municípios. “O Tribunal de Contas é aliado do gestor”, afirmou.

“O grande problema do País é a qualidade de gestão, não só a falta de recursos, mas o gerenciamento desse dinheiro público”, destacou o conselheiro, que assume a presidência do TCE em janeiro.

“Não adianta ter dinheiro se não tem gestão”, frisou Marisa Serrano, que foi a relatora das contas do Governo referente a 2013.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions