A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

24/06/2011 10:44

Secretário minimiza crise política e defende trabalho da Sesau

Fabiano Arruda e Ítalo Milhomem

Apontado no início do anúncio de reformulação no secretariado da Prefeitura de Campo Grande com uma das peças que poderiam deixar o tabuleiro, o secretário municipal de Saúde, Leandro Mazina, negou-se na manhã desta sexta-feira a comentar sobre a crise política da administração. Afirmou que só fala de questões técnicas e que, neste ponto, a Sesau tem desempenhado trabalho correto.

Embora Mazina garanta que tenha cumprido sua parte, o tom da reunião, entre os servidores da pasta com o prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB), que durou cerca de 30 minutos, apontou falhas no primeiro semestre como metas a serem corrigidas até o final do ano.

Após meia hora, Nelsinho deixou a reunião a pedido dos próprios servidores que, segundo ele, queriam prosseguir o encontro para “lavar a roupa suja”.

Conforme Mazina, o recado do prefeito aos funcionários foi: “se não estão com a gente (prefeitura) estão contra nós“.

O titular da Sesau contou que tem conhecimento de gerentes de serviços da Prefeitura com posicionamento alinhado a “vereadores A ou B” e que isto prejudica o serviço.

Nesta sexta, ponto facultativo na prefeitura, Nelsinho prosseguiu uma maratona de reuniões com servidores municipais. Além da Sesau, o prefeito já visitou também a Semed. Ele deve percorrer ainda ao longo do dia a SAS (Secretaria de Políticas e Ações Sociais e Cidadania), procuradoria do município e Funsat (Fundação Social do Trabalho).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions