A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

07/04/2011 13:20

Segundo vereador, gravações de 2h mostram fraudes em licitações

Aline dos Santos

Autor das denúncias que levaram o MPE (Ministério Público Estadual) a pedir o afastamento do prefeito de Aquidauana, o vereador Wezer Lucarelli (PPS) afirma que gravações em áudio apontam fraudes em licitação para compra de merenda, remédios e contratação de agência publicidade.

Ele obteve as informações após gravar conversas com o ex-assessor jurídico da prefeitura de Aquidauana, Péricles Garcia Santos. “São dois CDs, com 2h20 de gravações”.

O vereador relata que gravou as conversas com o telefone celular. “Mas a prova é lícita, porque a conversa não foi interceptada. Sendo válida na justiça do trabalho, cível e criminal”, afirma Lucarelli, que é advogado.

Segundo o vereador, o MPE confirmou 80% das denúncias. “Chamei o Péricles para conversar porque vi que o parecer jurídico para contratar a agência de publicidade. É o maior contrato de publicidade da região”, relata.

Segundo ele, Péricles revela que houve irregularidade em sua própria contratação e relata ida a Dourados para “acalmar” duas empresas que disputavam licitação para venda de remédio à prefeitura.

De acordo com o prefeito de Aquidauana, Fauzi Suleiman (PMDB), o vereador pagou R$ 50 mil para conseguir o depoimento. “Ele tenta tirar a credibilidade de quem denuncia”, rebate o vereador.

O MPE denunciou o prefeito de Aquidauana por improbidade administrativa e quer seu afastamento do cargo. A ação civil, apresentada à 2ª Vara Cível, também pede o afastamento de secretários municipais.

Conforme a denúncia, contrato entre a prefeitura de Aquidauana e uma agência de publicidade, localizada em Campo Grande, causou prejuízo de R$ 3 milhões aos cofres públicos.

Além do prefeito, foram denunciados Paulo César Rodrigues dos Reis (secretário de Saúde), Paulo Sérgio Goulart (secretário de Finanças), Luiza Eliete Flores Louveira da Cunha (secretária de Educação), André Beda (procurador jurídico), Eutiques Julio Savieto, Edy Souza Vieira e Douglas Melo Figueiredo, que prestava consultoria jurídica à prefeitura de Aquidauana e é atual prefeito de Anastácio.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions