A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/10/2011 13:59

Sem apoio, Zeca já fala em desistir de candidatura na Capital em 2012

Wendell Reis
Zeca alega que Delcídio não demonstra interesse em apoiá-lo. (Foto:João Garrigó)Zeca alega que Delcídio não demonstra interesse em apoiá-lo. (Foto:João Garrigó)

O ex-governador do Estado e pré-candidato a prefeito em Campo Grande, Zeca do PT, já considera descartada a sua candidatura em 2012. O motivo da desistência seria a falta de apoio do senador Delcídio Amaral (PT), que segundo Zeca, não teria interesse em apoiá-lo.

Em entrevista ao Campo Grande News, Zeca declarou que não está desanimado com a sua candidatura, mas com a falta de apoio. Ele alega que Delcídio já teria declarado há diversas pessoas que não tem interesse em apoiar sua candidatura. Zeca confidenciou que o presidente estadual do PSD, Antônio João, tentou intermediar o acordo onde Delcídio apoiaria Zeca em 2012 e receberia o retorno em 2014, quando pretende se candidatar ao Governo do Estado. Entretanto, segundo Zeca, Delcídio não deu resposta.

Zeca tinha colocado como condições para sua candidatura o apoio de Delcídio Amaral, para que a campanha fique mais forte, a quitação de gastos com a campanha passada, quando concorreu ao Governo do Estado, e o financiamento da campanha em 2012.

Longe da disputa, Zeca disse que não sabe se outro candidato conseguirá o consenso. “Ele deve ter outro candidato. Acha que manda no PT e nesta política eu estou fora”, declarou. A desistência de Zeca foi informada pelo deputado Paulo Duarte (PT), que conversou com o ex-governador na tarde de ontem. Duarte garantiu que Zeca não será candidato por não acreditar na aglutinação do partido.

Deputados petistas defendem consenso-Paulo Duarte acredita que com a desistência de Zeca, a candidatura do PT deve ficar entre Pedro Kemp e Vander Loubet. Entretanto, o deputado defende consenso, acreditando que uma prévia na Capital seria suicídio para o partido. O também pré-candidato a prefeitura de Campo Grande, Pedro Kemp, também defende consenso. Ele analisa que as prévias desgastam muito e podem dividir “ainda mais” o partido.

O líder do PT na Assembleia Legislativa, deputado Cabo Almi, acredita que Zeca do PT seria o melhor candidato do partido, devido a densidade e história. Ele afirma que com a candidatura de Reinaldo Azambuja (PSDB), o partido já estaria no segundo turno mesmo diante de todas as crises. Porém, caso Zeca desista, Almi defende a candidatura de Vander Loubet.



É dificil comemorar antes do tempo, mas gostei da noticia é super legal saber que os velhos politicos sabem que o povo ainda tem memoria e inteligencia.
Campo Grande esta em pleno crescimento, modernização e melhorias nas infla-estruturas por isso não devemos desviar nossos objetivos, que é cuidar muito bem de nossa cidade e de escolher bem a quem entrega-la para administrar.
 
Aires Junior em 18/10/2011 08:25:46
Ele esta saindo fora mais não é por causa do delcidio e sim pois sabe que a candidata do governo simoni tebet ele não tem chance nem uma. quem ganha com isso somos nois campograndense com essa candidatura dessa mulher uma grande administradora essa eu voto
 
pedro santana em 18/10/2011 05:29:12
Ufa graças a Deus!!!! chega desses velhos caciques da politica mandarem por aqui precisamos de reformulação na politica do estado, chega de corrupção bem que ja perdi as esperanças de achar um politico honesto!!
 
roberto fassina em 18/10/2011 03:57:30
Delcidio não apoia o Zeca!!!?? Graças a Deus tem alguém com bom censo nesta parada.
 
Jorge Junior em 18/10/2011 02:55:27
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions