A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Abril de 2018

17/06/2009 07:44

Senado tira sobrinha de Sarney do escritório de Delcídio

Redação

Após a polêmica dos atos secretos, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), resolveu afastar a sobrinha Vera Portela Macieira Borges dos quadros do Senado. Ela está lotada no gabinete do senador Delcídio Amaral (PT-MS) e trabalha no escritório do sul-mato-grossense, em Campo Grande.

Conforme a Folha de São Paulo, Sarney disse a Delcídio, na terça-feira, que vai devolver a sobrinha para o Ministério da Agricultura, órgão no qual ela é servidora de carreira.

Em discurso na tribuna do Senado, Sarney disse que é injustiçado e que falta respeito à sua história. E Delcídio mais uma vez defendeu a funcionária, dizendo que ela não é funcionária "fantasma".

Nomeada em ato secreto, a sobrinha recebe R$ 4,6 mil de salário. Vera é filha de José Carlos de Pádua Macieira, irmão de Marly Sarney, mulher do presidente do Senado. Súmula do STF (Supremo Tribunal Federal) proíbe a nomeação de "parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até o terceiro grau". Sarney já estava na presidência do Senado quando a sobrinha foi nomeada como assistente parlamentar.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions