A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Agosto de 2017

21/04/2016 14:47

Servidor de MS se incomoda com cuspe e pede afastamento de Jean Wyllys

Amanda Bogo
Documento foi protocolado em Brasília e pede cassação de Wyllys (Foto: Reprodução/Facebook)Documento foi protocolado em Brasília e pede cassação de Wyllys (Foto: Reprodução/Facebook)

Membro do movimento Chega de Impostos de Campo Grande pediu o afastamento do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) nesta semana, alegando quebra de decoro. O servidor público vinícius Siqueira alega que se sentiu incomodado com a ação de Jean de cuspir no colega Jair Bolsonaro (PSC-RJ), durante a sessão de votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), no último domingo (17).

Após seu pronunciamento e voto na Câmara dos Deputados, Jean Wyllys cuspiu no deputado Bolsonaro, alegando ter sido ofendido por ele. A situação foi amplamente comentada durante toda a semana.

Na quarta-feira, o advogado Helder Rego protocolou o pedido de afastamento movido por Vinícius Siqueira. O documento foi apresentado à Mesa da Câmara dos Deputados do Congresso Nacional, em Brasília.

“Não podemos deixar que a Câmara vire um show de horrores. Ela é do povo e pedimos decoro parlamentar”, afirmou, ressaltando que “nem no Big Brother ele poderia ter cuspido em outro participante. A Câmara tem que ser mais respeitada que um reality show”, alegou.

Segundo Vinícius, a ação não tem intuito de defender nenhum dos lados envolvidos na situação. Ele explica que estava aguardando o PSC (Partido Social Cristão) entrar com o pedido de cassação, já que o partido havia informado no começo da semana que o faria, porém não aconteceu.

“O PSOL alegou que vai entrar com uma ação contra o Bolsonaro, por isso decidi entrar contra o Jean Wyllys. Fiquei esperando o PSC e eles não fizeram, então decidi entrar por conta própria. Os dois lados são extremistas e extremismo não colabora para a democracia". finalizou.




Incomodado? Guarde o nome do "incomodado" para verificarmos até onde essa tomada de postura poderá resultar em uma possível candidatura e em breve, quem sabe, santinhos do mesmo poderá ser visivel na época das eleições para vereador; oportunista que só, esse tem faro "político".
 
ARIete em 21/04/2016 17:48:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions