A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

13/02/2014 09:38

Solidariedade vai seguir posição de André em MS, diz Paulinho

Edivaldo Bitencourt e Leonardo Rocha
Elizeu Dionízio e Herculano acompanham Paulinho em reunião com o governador (Foto: Marcos Ermínio)Elizeu Dionízio e Herculano acompanham Paulinho em reunião com o governador (Foto: Marcos Ermínio)

O presidente nacional do Partido Solidariedade, o deputado federal Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, afirmou, na manhã de hoje (13), que o partido vai seguir a posição do governador André Puccinelli (PMDB) nas eleições deste ano em Mato Grosso do Sul. Ele chegou, há pouco, com uma comitiva para reunião com o chefe do Executivo na Governadoria.

Paulinho disse que o peemedebista foi fundamental na construção do SDD no Estado. “Vamos acompanhar a posição do governador André Puccinelli em Mato Grosso do Sul, o que ele decidir, nós vamos apoiar”, afirmou o deputado federal paulista.

Ele reafirmou que na eleição presidencial o candidato será o tucano Aécio Neves. Em MS, com 25 vereadores, o Solidariedade aguarda a definição do governador.

O PMDB já lançou as pré-candidaturas de Nelsinho Trad para governador e da vice-governadora Simone Tebet para o Senado. No entanto, há peemedebistas com esperanças de Puccinelli disputar o Senado, o que pode embaralhar o cenário atual no Estado.

A reunião na governadoria conta com a participação do secretário estadual da Juventude, Herculano Borges, do vereador da Capital, Elizeu Dionízio (SDD) e de sindicalistas da Força Sindical.

Após a reunião com Puccinelli, os dirigentes do SDD fazem uma reunião no Grand Park para definir o rumo nas eleições deste ano em MS.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions