ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 26º

Política

“Vamos cobrar uma mudança de atitude”, diz Nelsinho sobre Bolsonaro

Presidente da República se reúne com Congresso e STF para reverter desgaste de imagem com escalada de mortes

Por Gabriela Couto | 23/03/2021 15:43
Senador Nelsinho Trad (PSD) disse que está otimista com encontro entre poderes para tomar uma nova medida em relação ao combate à pandemi (Foto Waldemir Barreto/Agência Senado)
Senador Nelsinho Trad (PSD) disse que está otimista com encontro entre poderes para tomar uma nova medida em relação ao combate à pandemi (Foto Waldemir Barreto/Agência Senado)

Nesta quarta-feira (24) o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vai se reunir com o Congresso Nacional e o STF para discutir medidas de combate à pandemia do coronavírus. O encontro será um dia após a posse do novo Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, realizada de forma restrita nesta terça-feira (23).

Segundo o senador Nelsinho Trad (PSD), líder da bancada federal de Mato Grosso do Sul, o encontro terá um tom de cobrança. “Vão estar ali as pessoas mais influentes da república e será a grande oportunidade de nos unirmos e ter uma nova modalidade de enfrentamento da pandemia”, pontuou.

Para ele o Congresso está vendo a reunião com uma expectativa positiva, “num sentido de haver uma narrativa uniforme de todos os envolvidos nessa situação. Se ficar olhando para trás servirá para ver os erros e não cometer mais. Daqui para a frente esperamos uma nova postura e de mudança de comportamento, atitudes, que possa dar exemplo para o país.”

Conforme as informações dos bastidores de Brasília (DF), Bolsonaro quer mudar a retórica com a chegada do novo ministro da Saúde, iniciando uma nova fase da sua administração.

Apesar de ter adotado um discurso a favor da vacina e trocado o comando do ministério pela quarta vez, Bolsonaro segue fazendo críticas a medidas de restrição social.

Parte dos integrantes do Legislativo e Judiciário que vão participar da reunião desta quarta-feira não está otimista com mudanças expressivas por parte do presidente. Tudo porque ele mantem o discurso negacionista e declarado que o país tem sido um exemplo no combate a pandemia.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário