A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

17/11/2015 08:45

Vereador Carlão presta novo depoimento ao Gaeco nesta manhã

Antonio Marques
Vereador Carlão presta esclarecimentos sobre operação Coffee Break (Foto: Divulgação/CMCG)Vereador Carlão presta esclarecimentos sobre operação Coffee Break (Foto: Divulgação/CMCG)

O vereador Carlos Augusto Borges, o Carlão (PSB), presta novo depoimento ao Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) para esclarecer fatos do inquérito da Operação Coffee Break. Na semana passada, os promotores haviam solicitado o afastamento do parlamentar e do colega Edson Shimabukuro por não terem entregue os celulares de uso pessoal.

Segundo o vereador Carlão, o Gaeco não disse a ele no dia que levaram o aparelho que queriam o aparelho do whats app. "O aparelho que uso o aplicativo tinha um mês. Havia acabado de comprar o Iphone 6S e estava carregando no momento em que me levaram para depoimento. Entreguei o que estava comigo na hora", explicou.

Ele ainda disse que os promotores não deixaram ele voltar ao interior da casa no momento em que foi abordado. Por isso, ele considerou injusto o pedido de afastamento, mas informou que, ao ser notificado na quinta-feira, 12, já providenciou sua defesa, que foi protocolada no TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) no final da tarde da sexta-feira, 13. “Estou à disposição da justiça para qualquer esclarecimento”, declarou

O parlamentar reiterou que que o telefone que o Gaeco pegou é de seu uso pessoal, apenas não tem o aplicativo Whats App que, conforme ele, que está instalado no aparelho mais novo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions