A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Julho de 2018

22/01/2017 09:39

Vereador faz reforma completa em gabinete herdado do ex-chefe

Epaminondas Vicente Silva Neto, o Papy, garante que mudanças são com dinheiro próprio, sem uso de verbas públicas

Richelieu de Carlo
Deputado estadual Herculano Borges e o vereador Epaminondas Silva Neto, o Papy. (Foto: Divulgação/Facebook).Deputado estadual Herculano Borges e o vereador Epaminondas Silva Neto, o Papy. (Foto: Divulgação/Facebook).

Enquanto parlamentares apenas planejam as mudanças que farão em seus gabinetes, à espera de recursos do duodécimo, o vereador Epaminondas Vicente Silva Neto, o Papy (SD), decidiu aproveitar as primeiras semanas de mandato para fazer uma reforma completa no espaço que, diga-se, era ocupado pelo ex-chefe dele.

Já tirou uma parede, pintou as que restaram, trocou azulejos do piso, e vai mudar todos os móveis. Segundo ele, tudo com dinheiro do próprio bolso.

Assessor parlamentar na Câmara Municipal de Campo Grande por quase oito anos, uma das primeiras ações de Papy como vereador eleito foi conquistar o mesmo gabinete do ex-chefe, o agora deputado estadual Herculano Borges (SD). Objetivo alcançado, o próximo passo foi colocar a obra em andamento.

“Tudo o que estou fazendo é com meu dinheiro. Nenhum dinheiro público está sendo gasto. A Câmara paga por pequenas reformas, mas eu decidi começar logo, os móveis são todos meus”, justifica Papy. Ele diz ter conversado com alguns colegas vereadores e os levou para ver as mudanças.

“As pessoas olham surpresas, não é tão comum reformas grandes reformas nos gabinetes”. O vereador, entretanto, não autoriza que tirem fotografias do interior, onde acontecem as principais restaurações.

Entrada do gabinete do vereador Papy, que ainda está em reforma. (Foto: Richelieu de Carlo)Entrada do gabinete do vereador Papy, que ainda está em reforma. (Foto: Richelieu de Carlo)

Papy fala com orgulho da relação que tem com a casa de leis e o fato de ocupar o mesmo escritório que o ex-chefe, a quem acompanhou por quase dois mandatos. “Eu e Herculano fazemos parte do mesmo grupo político. Nós trabalhamos para isso”.

Segundo ele, enquanto “ninguém dá valor”, o vínculo dele com a casa faz com que valorize mais o ambiente onde ficará pelos próximos quatro anos e onde vai atender a população. “As paredes eram amareladas, o forro caindo, no banheiro a descarga não funcionava, alguns móveis rasgados. Só quero fazer o melhor para atender bem, com uma coisa boa e bonita”, relata.

O vereador não quis comentar quanto vai investir na obra neste momento. Mas, diz que “não foi tão caro”, pois só teve que comprar uma parte do piso.

Papy garante que assim que começar a atender a população, as pessoas vão entender o que foi proposto por ele. E que seu gabinete será um dos mais disputados nas próximas legislaturas, quando novos parlamentares entrarem na casa. "Só vou poder ficar com meus móveis", conclui.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions