A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/03/2013 13:36

Vereadores cobram explicações do prefeito sobre contratos rompidos

Contrato que estava em vigor, licitado com 10 postos, foi rompido e outra empresa foi contratada por R$ 855 mil

Carlos Martins
Vereador Eduardo Romero: Queremos saber quais os critérios adotados para contratar este posto de gasolina  (Foto: Assessoria)Vereador Eduardo Romero: "Queremos saber quais os critérios adotados para contratar este posto de gasolina" (Foto: Assessoria)

O rompimento de contratos em andamento, por parte da prefeitura de Campo Grande, para assinar outros em caráter emergencial, levou hoje o vereador Eduardo Romero (PTdoB) a apresentar requerimento que será enviado ao prefeito Alcides Bernal para que apresente justificativas.

O último contrato assinado, celebrado entre a Semad (Secretaria Municipal de Administração) e o Posto Emanuele Ltda, foi publicado na edição do Diário Oficial que circula nesta terça-feira e prevê o fornecimento de combustível pelo prazo de 6 meses (180 dias) no valor de R$ 855 mil.

Além do requerimento, começou a tramitar na Câmara um projeto que torne obrigatório o envio, por parte da prefeitura, de cópia dos contratos emergenciais à Comissão Permanente de Fiscalização e Orçamento da Câmara.

De acordo com vereadores ouvidos pela reportagem, a prefeitura rompeu um contrato firmado por licitação no qual estavam habilitados 10 postos para fornecer combustível. Usando a tribuna, o vereador Eduardo Romero fez fortes cobranças ao prefeito e questionou, inclusive, a postura do chefe do executivo no relacionamento com a Câmara e também na condução de assuntos de interesse da cidade.

O objeto do contrato diz o seguinte: “contratação emergencial de empresa especializada no fornecimento de combustível – gasolina, com a prestação de serviços de gestão de abastecimento, por intermédio de software de gerenciamento através de cartão magnético – via WEB (internet), da frota de veículos oficiais, locados e cedidos, e equipamentos de combustão interna, visando atender toda a Prefeitura Municipal de Campo Grande/MS”.

“Quero crer que o prefeito está bem intencionado com a cidade, mas já são 70 dias de administração e até agora não conversou com os vereadores, não nomeou o titular de uma secretaria importante como é a Sedesc (Secretaria de Desenvolvimento Econômico, de Ciência e Tecnologia e do Agronegócio), mudou datas de pagamento, atrasou a entrega de kits escolares. Além disso, trouxe secretários de fora do Estado não valorizando os servidores de carreira, não apresentou sequer um projeto do Executivo para a cidade a ainda rompeu contratos em andamento”, enumerou. “Queremos saber quais os critérios adotados para contratar este posto de gasolina de maneira emergencial”, questionou Romero.

Limpeza em postos da saúde - No dia 28 de fevereiro rompeu-se o contrato com a empresa Total Serviços Gerais de Limpeza, que fazia a limpeza dos postos de saúde da cidade. Por causa disso, o vereador Elizeu Dionízio (PSL) também enviou requerimento ao prefeito solicitando várias informações, entre as quais, “qual o motivo do rompimento de contrato? Por que não foram efetuados os pagamentos referentes aos meses de janeiro e fevereiro à empresa? Cópia do contrato, bem como valores a serem pagos à empresa Mega Serv do município de Dourados”.

“A Total foi forçada a quebrar o contrato porque ficou sem receber R$ 1,4 milhão nos meses de janeiro e fevereiro. No mesmo dia em que a empresa estava fechando as portas, estranhamente a empresa Mega Serv, de Dourados, estava na porta da empresa contratando os funcionários que acabavam de ser dispensados”, denunciou o vereador. “Não se trata de pegar no pé do prefeito, mas estamos cumprindo com nossa obrigação, que é a de fiscalizar”, complementou.

Conforme projeto apresentado em plenário pelo vereador Elizeu Dionizio, que irá agora tramitar pelas comissões da Casa, o Poder Executivo deverá obrigatoriamente enviar cópia integral dos contratos emergenciais firmados pelo município explicando quais foram os motivos.

Como justificativa, o projeto diz que a proposição visa garantir, por força constitucional da função fiscalizadora que detém o Poder Legislativo, “melhor conhecimento e análise das contratações nos casos emergenciais em face da ausência do procedimento licitatório, a transparência e publicidade das reais necessidades da celebração destes contratos.

Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...
TRE realiza plantão para cadastramento biométrico neste sábado na Capital
O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) realiza neste sábado mais um plantão para atender eleitores de Campo Grande que ainda nã...


E O BERNAL????
 
Leon Prestes em 05/03/2013 20:17:26
Mais que Beleza que Beleza ser locutor e uma coisa ser Administrador e para competente
 
marcelo silva em 05/03/2013 20:17:17
E o Bernal?kkkkkk...eh rir para não chorar!!! Infelizmente não dá para comemorar tudo o que está acontecendo, pois moro aqui, meus filhos estudam em escola pública, enfim ,também sofro com tdo o que está acontecendo. Mas, que a grande maioria desses ignorantes que votaram nele merecem, ah isso merecem!! E quer ver? Vão fazer de novo, esperem o novo governador desses nobres eleitores!!!!!
 
Claudiléia Sampaio em 05/03/2013 19:53:05
Tá uma M... essa administração.....Parabéns aos que se enganaram com uma proposta desajeitada de governo e deram o voto pra esse radialista.
 
Paulo Rocha em 05/03/2013 19:26:04
passou da hora de mudar ... inclusive os fornecedores . derepente foi uma economia para a finanças da prefeitura . mudou o prefeito nao é ! agora a prefeitura é a pessoa em primeiro lugar!
 
janilson cavalcante em 05/03/2013 19:17:22
Muitíssimo estranho desfazer da licitação e fazer contrato emergencial com um só posto? E mais, isto está sendo uma constante nesta gestão, porque? Brincadeira né Sr Bernal, pensa que o povo é fácil de enganar? Parabéns vereador, você está cumprindo o seu papel, o povo quer transparência nas ações e isto foi prometido na campanha do atual prefeito. A Camara não pode esmorecer nas fiscalizações,pois, o povo acredita em vocês e quer respostas aonde o dinheiro dos impostos estão sendo investidos.
 
Alice Silva em 05/03/2013 19:15:50
Sr Bernal o sr se esquece q deve prestar conta, cadê a licitaçao, em nossa capital tem varias empresas q participaria da licitação, é sr Bernal a prefeitura não é sua e sim do povo.
 
Paulo Moreira em 05/03/2013 18:46:14
parabéns ao nosso vereadores.... são os únicos que estão fazendo o que prometeu
estamos de olho......
 
luciana amorim da silva em 05/03/2013 18:16:44
Pior que sem licitacao, onde vai o dinheiro, ser que vai ser tudo investido na cidade, ou vai para o bolso dele...
 
Roberta Moraes em 05/03/2013 16:24:56
O Bernal se encantou com as beneses do cargo, está fazendo pior do que tinha antes. Ele se esconde atrás de colocar a culpa na câmara de vereadores. Parabéns aos vereadores o papel dos senhores é realmente fiscalizar, o povo está de olho.
 
Juarez Goncalves em 05/03/2013 16:18:12
Votem no homem população campograndense, alguem sabe dizer porque foi mudado as
cores dos uniformes dos colegios municipais sendo que ja tinha uma cor padrão a varios
anos e não precisava a prefeitura gastar muito para repor agora com uma cor nova, foi feita licitação?
 
Otavio Paes em 05/03/2013 15:21:55
É EVIDENTE A FALTA DE RUMO E ORIENTAÇÃO DO Sr. BERNAL.
 
silmar oliveira em 05/03/2013 15:12:31
Não gosto muito de politica, mais nossa cidade realmente teve uma grande mudança isso da pra vê claramente, no carnaval de rua aqueles banheiro quimicos ficaram dias na rua, postes semanas escorados com paus para não acair e atrapalhando o transito, praças destruidas sem nenhum brinquedo pra criança isso pq e no centro da cidade, fora o matagal em area da prefeitura, e nossa cidade esta suja, era considerada limpa, mais não esta acontecendo. triste poderia levar a sério as pessoas que moram aqui. tem que pensa que 4 anos passa rápido.
 
Alessandra Carlin em 05/03/2013 14:53:55
Bem... foi a maioria da população, que, em sua "sabedoria", colocou o homem lá no intuito de ser o seu representante. Ou não foi assim?
 
Julio Lopez em 05/03/2013 14:45:51
Bom eu Votei no Alcides Bernal e to começando achar que fiz a pior besteira da vida.Pois estou vendo ele so fazendo besteiras.CADE A LICITACOES JA DEU TEMPO PARA FAZER, TUDO ESTA SENDO COMPRADO SEM LICITACAOES.PRECISAMOS COBRAR DELE.SOBRE A MUDANÇA DE POSTO É SIMPLES E FACIL SABER.Eu ja sei o restante e so pesquisar que vao descobrir...Esse erro vou ter q levar durante 4 anos...affff
 
Susan Mendes em 05/03/2013 14:35:54
E Bernal parece que vc ta querendo ser o cara de contra tudo.
Continuando assim pensando que nao depende de ninguem, vc nao intera 1 ano de man dato
 
Renato Silva em 05/03/2013 14:23:58
pois é tinha muita gente enchendo a boca pra falar que esse cara ia fazer e acontecer, de fato está fazendo....vcs que votaram nele agora encham a boca de novo e diz quem é esse tal de bernal?
 
carlos alberto ferreira em 05/03/2013 13:54:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions