A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2018

14/02/2018 11:32

Wilson é enterrado com homenagens, salva de tiros e recordações

Corpo foi sepultado no Cemitério Parque das Primaveres, em Campo Grande

Mayara Bueno e Leonardo Rocha
Caixão sendo carregado no Cemitério Parque das Primaveras. (Foto: Marcos Ermínio).Caixão sendo carregado no Cemitério Parque das Primaveras. (Foto: Marcos Ermínio).

Com homenagens, salva de tiros e recordações, o ex-governador de Mato Grosso do Sul, Wilson Barbosa Martins, foi enterrado no fim da manhã desta quarta-feira (14), no Parque das Primaveras, em Campo Grande.

Dr. Wislon, como ficou conhecido, morreu aos 100 anos depois de sofrer complicações cardíacas na manhã de terça-feira (dia 13). Policiais do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) deram três salvas de tiros e quando o caixão descia, os presentes aplaudiram em homenagem.

Sobrinho do ex-governador, Celso Martins disse, além da questão política, Barbosa Martins deixa um legado para os amigos e a família. "Era uma pessoa inspiradora, com liberdade de pensamento, que valorizava a democracia e o aspecto social".

Com os familiares, sempre foi muito justo e presente com a família. "Ele pode dizer que o dever foi cumprido aqui na terra", completa.

O pastor Celso Balbuena Benitez disse também que poucas pessoas têm o privilégio de viver 100 anos e desfrutar de uma história "tão bonita como a dele". "Que foi de dedicação à política, Campo Grande, ao Estado e ao Brasil, e ao mesmo tempo presente com a família".

À direita, o presidente da Assembleia Legislativa de MS, deputado Junior Mochi (MDB). (Foto: Marcos Ermínio).À direita, o presidente da Assembleia Legislativa de MS, deputado Junior Mochi (MDB). (Foto: Marcos Ermínio).
Thaís Martins, filha do ex-governador, se despedindo do pai. (Foto: Marcos Ermínio).Thaís Martins, filha do ex-governador, se despedindo do pai. (Foto: Marcos Ermínio).

Companheiros de partido, o presidente da Assembleia Legislativa de MS, Junior Mochi (MDB), disse que o ex-governador sempre se preocupou com a legenda e tem importância fundamental na fundação do PMDB no Estado. "Devemos muito a ele. Era um estadistas e quando se posicionava todos o seguia".

Uma das recordações do presidente é a mensagem que recebeu de alguém, a mando do dr. Wilson, em 2010. Na ocasião, Mochi disputava eleição para deputado estadual e a pessoa que o procurou disse que era dele o voto do ex-governador.

A casa de leis estadual fará uma homenagem "robusta", disse Mochi.

O secretário de Cultura, Athayde Nery, que também acompanhou o enterro, lembrou Barbosa Martins como "articulador político". Na época em que era governador, ele desceu da governadoria para conversar com manifestantes em greve. "Resolvia as coisas na conversa. Um ótimo articulador político e um convicto democrata".

Ex-prefeito de Campo Grande entre os anos de 1959 e 1963, deputado federal e senador por Mato Grosso do Sul, Wilson Barbosa Martins também foi governador por dois mandatos –1983 e 1986 e 1995 e 1998.

No vídeo abaixo, momento do sepultamento do ex-governador:



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions