A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

02/02/2011 16:43

Figueira símbolo de rua Brilhante é cortada após um século

Angela Kempfer
 Figueira símbolo de rua Brilhante é cortada após um século

Figueira exibida há décadas na rotina dos moradores da região da rua Brilhante, em Campo Grande, será cortada.

Aguns dos maiores galhos já foram retirados e no sábado o trânsito deve ser paralisado para a retirada da árvore, na altura da Vila Nova Bandeirantes.

A proprietária de depósito de materiais de construção que fica em frente a árvore, disse que há dois anos pede autorização para o corte, mas só agora a prefeitura concedeu. Segundo ela, a raiz quebra a calçada, o que prejudica o empreendimento.

Com a autorização para a medida em mãos, ela disse que vai plantar quatro árvores pequenas no lugar, na tentativa de compensar a perda.

Morador Antonio Arantes, que acompanhou o início do corte na tarde de hoje, diz que pensava que era apenas uma poda. Quando descobriu o real objetivo, se revoltou.

Segundo o homem, “poucos metros depois, uma outra árvore de grande porte, na rua Alexandre Fleming, o morador achou uma solução. Fez um canteiro só para arvore e assim não precisou cortá-la”.



Concordo com o SR: ROBERTO COSTA

"Só quando a última árvore for derrubada, o último peixe for morto e o último rio for poluído é que o homem perceberá que não pode comer dinheiro."
(Provérbio Indígena)
 
FERNANDA VOLPATTO em 17/02/2011 01:54:09
POR FAVOR NÃO CORTEM A ÀRVORE!!!!!!!!!!!!!!
 
Dilza Pereira Paes em 09/02/2011 11:30:00
Quero dizer para essas pessoas com ideias contrarias ao corte da figueira para plantarem uma arvore de grande porte em seu quintal,que e muito facil criticar quando so passam pelo local e olham,moram longe e nao sentem o transtorno que uma arvore de grande porte causa p/quem mora ao lado da mesma, se gostam tanto de arvores estao morando em local errado e so mudarem para a amazonia,e se formos ter essa ideia de que as arvores estao aqui antes de nos entao vamos acabar com todos campograndenses por que ha anos atras aqui era so mato,alias o Brasil.Sera que essas pessoas que criticam tanto tem uma arvore em sua casa ? cuidam da natureza?nao usam sacolinhas plasticas?nao jogam lixo na rua? Alias sou um grande defensor da natureza adoro o verde,mas antes de tudo temos que ter bom senso e nao so criticar,que uma figueira vai mudar o clima mundial.Que cada um desses que criticou plante outra figueira em lugar correto,ai sim estaremos contribuindo pelo bem estar de nosso planeta.
 
Laercio Araujo em 06/02/2011 11:50:42
A maioria dos argumentos para o corte são absolutamente ridículos. "É ponto de droga", "acumula lixo em volta" "faz muita sujeira".... AFF... a árvore está lá antes de todos aqui terem NASCIDO, antes da rua ser feita, a calçada ser feita, antes desse comerciante sequer SONHAR em abrir uma empresa. Agora a culpa é da árvore se as pessoas são podres? Se jogam lixo na rua e ele se enrosca em suas raízes? Se as pessoas usam drogas embaixo de seus galhos? Se suas raízes estão atrapalhando a calçada e a rua que foi construída à sua volta enquanto ela já VIVIA E CRESCIA? Não faz o menor sentido!!!! "Ah, ela é uma árvore grande na área urbana"... acontece que ela já era uma árvore grande ANTES daquele local ser área urbana. Quer dizer que a cidade vai crescendo e derrubando toda a vida (que demora décadas e até séculos para se formar) pelo caminho porque não é adequada aos nossos confortos imediatos? "faz sujeira..." Ora essa... quem faz a sujeira SOMOS nós! A árvore é incrível, histórica, seu valor vai muito além de uma simples sombra. Ela não é "qualquer árvore", não foi plantada ontem... ela viu a cidade se formar à sua volta!!! O interesse em mante-la de pé é ambiental, histórico, cultural e social. Não a derrubem porque atrapalha 20 metros de concreto!! Mudem-se VOCÊS!!!
 
Gisele Sena Bertolazo em 04/02/2011 11:20:48
Acho engraçado autorizarem o corte dessa árvore, que segundo disseram acima, está sadia e na esquina da rua Pe João Crippa com a Afonso Pena, colocarem estacas pra sustentar uma árvore que não se sustenta sozinha!
 
Luciana Seraphim em 04/02/2011 05:43:15
A prefeitura de campo grande autorizou a construção por uma empreiteira de vários edificios e condominios em frente ao shopping , várias árvores foram derrubadas e arrancadas ninguém se mobilizou para defender estas árvores!!!!!! alguns que se manifestam opinando até vivem nestes edificios ; criticam os problemas alheios mais são incapazes de resolver os "SEUS' , ambientalistas de araque que não plantam árvores nenhuma , e pelo contrário já arrancaram todas as árvores ; gostam de fazer piquenique na sombra alheia ; é lógico que o meio -ambiente é importante ; a preservação , a conscientização ecológica e ambiental; mas entre a árvore e o ser -humano - o ser-humano é mais importante -a vida humana é mais importante- uma pessoa já morreu com um galho que caiu na cabeça - e pergunta quantas pessoas apareceram para se solidarizar com a família -nenhuma- quantas ambientalistas e preservadores da natureza apareceram no velório do "de cujus' nenhuma- por ora a empresária que gera emprego e renda para alguém que precisa(não existe almoço de graça) se comprometeu a plantar 4 novas árvores , é bonita , é centenária , é simbolo é mais na ora das tragédias todo mundo fica indignado - crítico tem bastante mais na hora do vamos ver -muita gente pula fora - muita gente chora no velório mais na ora do enterro quem tem que fazer as vezes é o coveiro - vamos cortar esta árvore e plantar novas árvores assim é a vida sempre uma evolução - e vamo cobrar do prefeito o IPTU caro isto sim tem que ser discutido pela sociedade.................
 
João Tertuliano Barbosa Mariano em 04/02/2011 05:27:15
Não acreditei quando passei pela Brilhante e vi que estavam cortando essa árvore. E o pior com autorização oficial. Por favor impeçam isso. Concordo com o leitor, perguntem ao prefeito se ele concorda com esse crime ambiental. a árvore está sadia, pode haver uma solução que não seja o corte. É um patrimônio da cidade, não pode ser retirada pelos motivos alegados, nem mesmo a rede elétrica ela atrapalha.Ajudem!!
 
Célia Vasconcelos de Lima Campo Grande em 03/02/2011 12:14:18
Eu acho que ao invez de ficarmos sentados esperando que cortem a arvore vamos agir, vamos nos unir para evitar isso vamos sabado para lá e tentar evitar o corte !!!
 
ROBERTO FASSINA em 03/02/2011 11:51:40
Pelo Amor de Deus, não deixem fazer isso!!!!!
É um absurdo, essa árvore faz parte da história do bairro.
Uma poda seria mais que o suficiente para resolver os problemas do proprietário.
 
Lizandra Bignardi em 03/02/2011 11:33:02
Com certeza o prefeito não esta sabendo disso, ele poderia muito bem desapropriar essa area que existe o deposito e contruir uma praça, e se alguem quizer fazer uma pequena manifestação do sabado para evitar o corte podem contar comigo!
 
ROBERTO FASSINA em 03/02/2011 11:25:12
Mais uma evidência que o interesse da minoria é bem maior que o respeito a natureza, o bem estar de outras pessoas..... Trazendo prejuízos para o empreendimento? Caramba, a empresa do senhorzinho deve estar lá a mais de 100 anos.... quanto prejuuuuu.....
ou ele não pensou na arvore quando se instalou lá.... ao invez de materias de construção porque não colocou uma casa de sucos, agua de coco, sorveteria.....
 
Flavio Martins em 03/02/2011 11:18:16
Vocês ai do Campo Grande news já perguntaram ao prefeito se ele sabe que vão cortar essa árvore com o aval da prefeitura? Digam pra ele o número de comentários ai no site contrários a esse crime ambiental autorizado pela secretária. Perguntem quem sabe ele impeça que isso ocorra.
 
Joana Assis Cavalheiro Campo Grande em 03/02/2011 11:12:41
Condordo com o João Antonio e vamos nos mobilizar e dizer "NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
NÃO AO CORTE DA FIGUEIRA DA BRILHANTE"
 
Jennifer Kill em 03/02/2011 11:12:18
Sou bióloga e fiz questão de passar lá para ver essa árvore, não está doente, aliás está muito sadia, não atrapalha a rede elétrica, percebi uma grande quantidade de passáros a utilizando,sem faalr no conforto térmico que essa árvore proporciona aos moradores próximos a ela. Se realmente cortarem essa espécie será um crime. Há soluções tanto para o proprietário do comércio como tambem para oa pedestres. Só é preciso boa vontade.
 
Maria Angélica Rivarola - Campo Grande em 03/02/2011 11:00:46
Já que e impossivel evitar o corte dessa arvore, e pelo que tenho visto apenas uma pessoa aqui e a favor e que deve ser parente ou proprietaria do deposito, e facil e so o povo boicotar de comprar alguma coisa nesse deposito, ja que o dinheiro esta acima da razão!
 
ROBERTO FASSINA em 03/02/2011 10:56:19
Tem que ter respeito, a justificativa de derruba uma árvore centenária pq atrapalha a passagem de pedestre não me desce, se fosse caso de botar em risco a vida ou a casa dos moradores que residem perto da árvore, ai sim é um motivo plausível, agora pq atrapalha a passagem.... vamo refleti ai pessoal.
 
Felipe de Moraes Gonçalves Mendes em 03/02/2011 10:42:50
Um absurdo o que estão fazendo, estamos hoje, aqui em Campo Grande-MS, tentando conter enchentes, conter o alagamento na avenidade norte/sul, estamos tentando plantar ávores para poder segurar o barranco, estamos plantando ávores para ajudar a conter o calor que passamos, e agora nós estamos presenciando uma poda de uma grande árvore, um árvore centenária, cuja mesma mais nos ajuda do que nos atrapalha.
Isso é um absurdo, uma vergonha.
 
Alexandre Assef em 03/02/2011 10:37:25
ARVORE LINDA...ATÉ QUE ELA CAIA E CAUSE UM ACIDENTE GRAVE COM VITIMAS
 
Laura Nantes em 03/02/2011 10:35:36
Ah, gente... por favor... o maior prejuízo para este empreendimento é a ignorância da pessoa que pediu o corte. Há tantas formas de se aproveitar essa árvore até mesmo como ponto de referência para o local. E provavelmente, essa pessoa quando adquiriu o ponto já sabia que a figueira estava ali.
Deixem a figueira em paz, por favor!
GENTE, VAMOS FAZER ALGO. VAMOS LIGAR, VAMOS PEDIR. ISSO NÃO PODE ACONTECER NÃO.
 
Mirian Costa em 03/02/2011 10:22:23
A dona do depósito deve estar realmente muito incomodada com a árvore que tanto ''atrapalha'' seu comércio, pois é dele que tira seu pão de cada dia, e também paga seus funcionários..é que ela chegou no local ''bem antes'' da árvore creescer lá, e olha que uma figueira para chegar naquele porte precisa de umas boas décadas de crescimento... a única coisa que não cresce é a consciência da dona do depósito por tirar a árvore de seu lugar que foi sendo invadido por essa raça que tanto destrói a natureza, o tal do ser humano.
 
Reginaldo Soares em 03/02/2011 10:16:10
Que pena!! E assim caminha a humanidade... o meio ambiente tem que pagar, para que o "comércio" de quem está pedindo para cortar a árvore, dê lucros.
Será que vai dar mais lucros mesmo?
Hummm... tenho minhas dúvidas. Quando a coisa é boa, não é árvore, canteiro, ou que for, que atrapalhe. Pra satisfazer uma pessoa, ceifa-se uma árvore que já faz parte da história de Campo Grande.
Lamentável.
O meio ambiente chora.
 
Regina Lima em 03/02/2011 10:08:26
Como as árvores não falam, não protestam, ficam ali incólumes, falo eu. Como alguém em sã consciência autoriza o corte dessa árvore. Sei que há inteligência suficiente na secretaria de controle urbanístico para propor soluções. Portanto poder público impeça a continuidade a essa afronta ao patrimônio ambiental da cidade. Essa árvore têm ao menos um século de vida, não merece ser cortada, e retirada como entulho. Deve ser preservada e se tornar ponto de referência. Como já o é.
 
Paulo Renato Cruz em 03/02/2011 10:05:42
Olha SE ATÉ no sábado se ninguem fizer nada para impedir o corte dessa arvore conclamo a população, estudantes a irmos até lá e impedir que deem continuidade a esse crime autorizado pela prefeitura. Se o lema da prefeitura é CAMPO GRANDE A GENTE QUE FAZ. Eu não compactuo com esse crime não!!! . LANÇO AQUI A CAMPANHA: NÃO AO CORTE DA FIGUIERA DA BRILHANTE. VAMOS NOS MOBILIZAR !!!!!
 
João Antonio Marques em 03/02/2011 10:01:10
Nossa que pena fazerem isto!!! Eu que passava por esta rua ficava admirada com a beleza e o tamanho dessa árvore sem contar com o de melhor que ela proporcionava pelo ser humano . E agora como fica a rua Brilhante sem a sua arvore Brilhante!!!????
 
maria Rodrigues em 03/02/2011 09:29:17
Respeito é bom e todo mundo gosta!!! E a natureza quem respeita???
 
maria Goreti Rodrigues em 03/02/2011 09:22:30
Ontem pela manhã passei por debaixo desta frondosa figueira e meu pai comentou comigo "não sei como ainda não cortaram esta árvore" é uma pena, uma perda enorme para a cidade de Campo Grande pois ai está uma parte da história da cidade morena que ainda está viva. Aí eu pergunto, onde está a sustentabilidade ambiental que procuramos? será que esta árvore atrapalha mesmo o desenvolvimento do comércio local? Pessoal! sejamos sensátos, na vida, pra tudo tem um jeito. Vamos aprender a conviver!!!!!!
 
Sandro Duarte em 03/02/2011 09:20:42
No nosso planeta existen pessoas belas e pessoas não tão belas e nen por isso devemos "cortalas" devemos sim aprender a conviver com elas.Na natureza existen arvores belas e arvores não tão belas e temos a obrigação de conviver com elas, pois a sombra nos dias quentes não escolhe a beleza das arvores. e a diginidade, bomdade, honestidade e outras coisas boas tambem não escolhe as pessoas por sua beleza. PENSE NISSO.
 
Emerson Ramos em 03/02/2011 09:15:20
Sr prefeito apelo ao bom senso do senhor encontre uma solução para esse local e salve essa árvore.Impeça esse crime contra o patrimônio histórico- ambiental de Campo Grande.
 
Marco Tulio Costa Campo Grande em 03/02/2011 09:15:03
Esta árvore não é um símbolo da rua brilhante, mais sim um patrimonio da humanidade!!!!
Esta árvore já estava lá quando o Sr. José Antonio Pereira chegou por aqui....os moradores tem que se organizar e impedir o corte desta árvore. ...árvores desse valor históricos deveria ser tombadas pelo patrimônio da Humanidade e o Ministério Público deveria atuar para impedir este crime, afinal, é ele o orgão responsável pela defesa do meio ambiente....a prefeitura deveria desapropriar a area em volta e fazer um ponto turísticos no local....afinal ela ja tava lá muito antes de qualquer casa ser construída...
 
Paulo Candido em 03/02/2011 09:11:53
Quando viajam dizem depois:
Que feio a falta de árvore de São Paulo!
Pra ficar feio daquela forma adivinha o que eles fizeram?
 
Eduardo Bernardo Aguiar em 03/02/2011 09:07:55
Vejo que alguns não se importam e que muitos são contra tal atitude, como os que não se importam dizem " é apenas uma arvore" é, realmente é apenas uma árvore de 100 anos que pode representar muita coisa para muita gente, que com certeza neste século de existência deixa um saldo positivo, ela com certeza fez seu papel, poderia continuar fazendo mas, ... acredito que o dono do imovel que tanto se incomoda com sua presença na calçada poderia ter mais lucros em sua atividade se soubesse aproveitar esse diferencial que só ele contava em toda extensão da Rua Brilhante afinal de contas estamos na era da sustentabilidade, quanto a acessibilidade é claro que deve ser respeitada mas acredito que seja muito mais facil criar uma forma de acesso do que repor uma arvore destas. Esta é apenas uma opinião sobre o assunto, é claro que existem problemas maiores
 
Dennis Fernandes de Souza Santos em 03/02/2011 09:03:35
O povo que acha que devemos retirar as arvores que nos atrapalham deviam mudar para São Paulo, como já foi dito aqui, mais de uma vez, quem chega primeiro tem o direito de ficar, portanto que fechem o deposito de material de construção mas não tirem a arvore, o Thiago cadeirante podia intervir junto a prefeitura para que se fizesse um alargamento da calçada, tem tanta calçada gigantesca de mais de 5 metros de largura em Campo Grande em local que não justifica pois só tem grama plantado, tem como contornar a situação, faz um desvio da calçada proximo à arvore, coloque um canteiro para a arvore, enfim, se tiver um pouquinho de boa vontade não há necessidade de se cortar uma árvore que não é simbolo da rua Brilhante, é patrimonio de Campo Grande, isso que foi autorizado é um crime contra o meio ambiente, contra a cidade de Campo Grande e contra seus habitantes, então vamos pelar todas as arvores da afonso pena e da mato grosso também, gasta-se milhoes para recuperar as arvores que estão morrendo e corta-se uma arvore sadia centenaria por nada, isso é Campo Grande, to querendo mudar daqui já.
 
maximiliano nahas em 03/02/2011 08:58:11
apoiada Fernanda de Paula, as pessoas são tão ignorantes a ponto de pensar em um bem que causa um mal.

(e o pior é que esse é muito mal!!)
 
Ariovaldo Garcia em 03/02/2011 08:56:49
Muito Bom Dia Campograndense!!

Olha isso mesmo,sai cortando todas as Arvores da Cidade,deixa nenhuma,ta atrapalhando ne?O homem invadem o espaço da natureza e errado é ela,legal!!Sai ai Cortanto todas as Arvores de Campo Grande,pois daqui uns tempos fica que nem a Cidade de São Paulo.Poluição no Ar vai tomar conta da Cidade,ai vem as doenças, problemas respiratorios.....E tem mais,em época de chuvas fortes com temporais,essas arvores abafam muito o vento,ou seja diminuem a força do vento!!

Aqui Fica Meu Apelo!!!
 
Fernando de Paula em 03/02/2011 08:32:36
Isso que a prefeitura esta fazendo é um crime contra a natureza, pois aquela figueira esta ali a tempos, foi nós humanos que invadimos o seu território e pois isso é um crime.
Senhor Thiago Varzim Cabistany pense que foi o ser humano que invadiu o seu espaço e não foi ela que invadiu o nosso.
 
Bruno de Oliveira em 03/02/2011 08:29:59
Parece que uma calçada de concreto vale mais do que um ser vivo centenario como foi essa figueira, se essa arvore oferecesse risco de queda haveria um bom motivo para corta-la, mas pelo que vimos era uma arvore sadia, e sua sombra e seu frescor natural ira fazer falta á dona do estabelecimento, que o sol forte a faça arrepender-se de tamanha burrice.
 
leticia mello em 03/02/2011 08:20:31
Acredito que uma arvore de porte menor pode ser plantada no lugar,com tanta coisa acontecendo de ruim com chuvas,talvez a arvore demostrasse algum risco futuro a população.Gosto muito da natureza,mais oque adianta se não houver seres humanos para desfrutar?Vamos nos preocupar com coisas de maior importancia,e vamos plantar uma de porte menor lá...simples...!!!
 
Denise Ferreira em 03/02/2011 08:14:28
É das pequenas coisa que forma um grande carater, nao e o caso do nosso amigo ai em cima que acaba de dizer uma bobeira.
Nao foi a arvore que nasceu na calçada, mais sim foi a calçada que esta onde ela a arvore ja estava a decadas.
Temos sim que se preocupar com isso, é nosso dever cuidar o pouco que nos resta.
 
washington alem da silva em 03/02/2011 08:14:02
Se colocarmos sempres os interesses estéticos e econômico à frente do meio ambiente, será que a natureza vai resistir? Nem 1.000 árvores pequenas substituem a simbologia dessa figueira. É uma pena!
 
Gilmara Franco em 03/02/2011 08:11:39
engraçado o povo;quando cai uma arvore em cima de casa,carro,matam pessoas a prefeitura é culpada;qdo autoriza o corte de uma arvore é culpada,passo ali todo dia qdo chove é um transtorno,s/ contar c/ a calçada toda quebrada,corta-se uma planta outra menor,temos que nos preocupar sim é c/ a epidemia de dengue.
 
juliane mendes em 03/02/2011 08:08:29
"Só quando a última árvore for derrubada, o último peixe for morto e o último rio for poluído é que o homem perceberá que não pode comer dinheiro."
(Provérbio Indígena)
 
ROBERTO COSTA em 03/02/2011 08:08:00
Olha !! eu morei nestas emediações, a uns 30 Anos atraz , eu me criei neste local, esta arvore na verdade não é uma figueira,e sim uma seringueira, estas arvores , quando cresce, a suas raizes arrebenta com tudo, tanto calçadas, como muros, paredes, na alexandre fleming, é que existe uma figueira centenaria, alheais existia 02 , a outra ficava na Bandeirantes, onde hoje, é um poste de gasolina.
 
vitor eduardo cesar Rojas em 03/02/2011 08:02:05
Passo quase todos os dias pelo local, e nunca achei que aquela arvore fosse bela ou que embelezasse o local. Figueiras crescem demais, sujam muito e nunca foram exemplos de arvores belas. Não sou a favor do corte indiscriminado, mas arvores como as figueiras não podem crescer em espaços urbanos.
 
valter antunes em 03/02/2011 07:57:50
Não há necessidade de cortar arvores para dar condição de pedestre andar na calçada e, sim criar condições para todos. Hoje estamos sofrendo as consequencias dos cortes de arvores no planeta. Vê se acorda e ajude a preservar o que nos restou.
 
LINA LOUREIRO PEREIRA em 03/02/2011 07:44:40
Esta é apenas uma árvore. Tão logo veremos o Diabo da Tasmânia pondo em ação sua fúria na avenida Afonso Pena. Há projeto para implantação de uma via para ônibus nessa avenida e só não foi adiantado porque não conseguiram trazer a Copa para o Morenão, aliás para o MS.
Seria a Copa para derrubar as copas das árvores.
 
Ezio José em 03/02/2011 01:02:48
Pois é caro Thiago varzim, é de pensamentos como o seu que estão acabando com amazonia, e que problemas como aquecimento global estao cada vez mais presente em nosso dia a dia. Concordo que a arvore atraplha pedestres e pessoas com deficiencia, mas olhe para o resto da cidade e observe se ela oferece acessibilidade as pessoas portadoras de deficiencia física. esta arvore esta ai muito antes das casas e avenidas e agora porque uma pessoa se sente prejudicada acha que tem o direito de destruir algo que a natureza levou mais de um seculo para construir. Deveriamos ter mais respeito com o meio ambiente
 
Ronison Muriel Portugues da Silva em 02/02/2011 11:22:54
Absurdo a retirada da árvore. Pode até atrapalhar pedestres, mas com certeza traz muitos benefícios para a região. Devem existir muitos ninhos de passaros. Se é para resolver o problema de acessibilidade a prefeitura deveria retirar postes indevidamentes colocados no meio de calçadas (ex. da Av. Zahran), retirar muretas e obstáculos construidos por moradores para que não passem em frente a suas calçadas (av. marinha - coophavila II, Av. Bom Pastor). Uma árvore tão antiga e importânte. Que tal a proprietária utilizar isso como um bom marketing para sua loja. Seria muito mais inteligente que retirar a árvore. Fica o meu protesto!
 
jaqueline correa ama em 02/02/2011 10:59:42
Realmente Thiago simbolo de sujeira e descuido da prefeitura, sem falar em causas + nobres essas pessoas tem que se preoculpar... e quem mora embaixo dela na alexandre Fleming sabe oq ela causa , fora os morcegos , e ela esta bem cuidada graças ao morador que certa êpoca comprou uma briga com um ambientqlista por uma simples poda . o ano todo ela só serve como simbolo de sujeira e de mals elementos que usam ela p fins de varias coisas , que só quem mora em frente sabe ... e estava ja na hora de acabar com a arvorê da Brilhante que impedia o uso da calçada ... porque os ambientalista não vem , cercar , fazer calçada , varrer e fazer a poda certa ?
 
Debora Nascimento em 02/02/2011 10:43:04
Quando criança houvia meu pai dizer,filha quando tombarem a última àrvore com ela também irá o ultimo homem. hoje vejo que isto é verdade a natureza já iniciou a sua resposta. Quão sabio é meu pai hoje com 92 dois.
 
Maria Benedita Peixoto em 02/02/2011 10:04:33
quanta consciencia ecologica esses deve ser os primeiros que so sabem ser do contra uma arvore dessa so da prejuizo pra quem a ten en seu quintal e pra tirar ainda tem que pagar tinha que ser por conta da prefeitura o corte por deixar uma mostruosidade desse tamanho na rua e fazendo sujeira e entupindo bueiro e derrubando galho sobre quem passa alen de quebrar calçada etc etc etc etc ps panta uma dessa na sua casa depois de alguns anos me conta o tamanho do preju.
 
Rui Martins em 02/02/2011 10:01:58
A acessibilidade ficou comprometida pela natureza, a árvore chegou ali antes da via ser urbanizada. Pior´são motoristas mal-eduacdos que estacionam o veículo em cima da calçada.
 
jonas schunacker em 02/02/2011 09:56:39
Interessante outras atitudes em relação a árvore símbolo da Rua da Paz perto da casa do prefieto que foi repaginada com bancos de praça para sentarem ao final do dia. Este comércio de material de construção é ignorante e perde a identidade da RUA DA FIGUEIRA e agora cem anos após vence sua validade. Por que a semadur não corta as árvores podres do centro qntes que caiam na próxima chuva ? Temos uma árvore aqui na 25 de dezembro que já du curto nos fios de alta tensão como é na frente da antiga casa do pai do prefeito não podem cortar. Enquanto isso no restaurante do aoutro lado da rua e na loja de móvei e de sandálias digo chinelos cortaram mais de seis árvores só no ano passado. Na porta da boate cortaram quatro. Investiguem a fundo aí tem tramóia.
 
Carol medeiros em 02/02/2011 09:40:53
Concordo com vc Thiago, tem muito mais coisas pra se preocuparem do que ficar dando importancia para a retirada de uma arvore que so tras transtorno, os que estao preocupados deveriam refazer a calçada da moradora do local como tambem manter o mesmo limpo.
 
genivaldo Caitano em 02/02/2011 09:32:31
Realmente é uma grande pena e grande perda, sim tem os pedestres e cadeirantes mas acima de tudo a existência de um século de vida ali como mera expectadora, uma arvore...não tem vida... tem sujeira mas cabe a nos pensar em como PRESERVAR nosso meio,quatro arvores irão serem bem vindas mas não irão substituir nossa fiqueira, Campo Grande perde muito com a retirada dessa arvore, e eu na minha infima opinião me sinto triste em saber que não ouve uma proposta para a preservação dessa magnifica arvore que venceu por tantos anos, realmen te é de indignar com a falta de sensibilidade das pessoas, é um mal exemplo que não deve ser seguido.
 
sandra lima em 02/02/2011 09:29:59
A Figueira, assim como o Ficus, Eucalipto e Sete Copas não são árvores nativas do Brasil. A Figueira e Ficus originária da Ásia crescem muito, as raizes se espalham, quebram tubulações, calçadas e muros, são inadequadas para uso na área urbana. Na área rural são como invasoras que ocupam espaço da vegetação nativa. A Figueira cresce matando outras arvores, palmeiras e arbustos, nenhum outro tipo de vegetação cresce debaixo da Figueira. Estas espécie de árvores precisam ser eliminadas, além do mais o plantio de novas espécies adaptadas ao nosso meio-ambiente, quando em crescimento, contribuem melhor para absorção do CO2, que é o principal responsável pelo efeito estufa.
 
Luiz Carlos em 02/02/2011 09:28:06
acredito que somente quem convive com uma árvore deste tamanho, na porta de casa ou comércio, pode realmente dar uma opinião, depois planta-se outra, é o ciclo natural da vida...
 
Lucas Mendes em 02/02/2011 07:51:38
Infelizmente a preocupação na preservação do meio ambiente parece que é algo que cabe a grupos restritos. A maioria não observa nenhum prejuizo, até pq não possui tal discernimento. SE NÃO CONSERVARMOS O QUE EXISTE HOJE......o que restará para o futuro???? PONTO NEGATIVO para o idealizador da retirada da árvore e uma grande vaia aos fracos e inoperantes gestores públicos.
 
ANTONIO PAIVA em 02/02/2011 07:05:17
Esta árvore não é apenas um símbolo da R, Brilhante, mais sim, um patrimônio da Humanidade.......na verdade isto é um crime contra a história da própria cidade...o Ministério Público deveria atuar para evitar este ato insâno....
 
Paulo Candido em 02/02/2011 06:41:11
É uma pena que a prefeitura ainda autorize o corte de árvores assim, que levam várias décadas para se formarem e apenas em algumas horas destróem o meio ambiente, para isso existe solução, ao invés de matar, uma vida e prejudicar várias outras. O órgão competente da prefeitura quem que rever rapidamente essas atitudes e preservar as árvores dos bairros , não somente gastar dinheiro público para preservar somente as árvores da Avenida Afonso Penna.
 
Clarinda Maria em 02/02/2011 05:42:54
Lamentavelmente, não se tem habilidade e competência para conviver com a natureza.
E assim, o ser humano, destrói o que acha pela frente.
 
Carlos Eduardo em 02/02/2011 05:15:08
É O CAPITALISMO ACIMA DA NATUREZA.
 
MARIO MARQUES em 02/02/2011 05:02:01
Símbolo de que mesmo????
De sujeira,de falta de respeito com os pedestres que passam ou tentam passaram na calçada, sem falar nos cadeirantes......
Esse senhor que se sentiu revoltado concerteza nao se encaixa em nenhum desses exemplos que citei......TANTA COISA PRA SE PREOCUPAR E ESTAO ''REVOLTADOS COM O CORTE DE UMA ARVORE QUE É SÍMBOLO DA RUA BRILHANTE''.
 
Thiago Varzim Cabistany em 02/02/2011 04:52:08
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions