A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

29/03/2011 13:22

Leitora denuncia uso de via pública para estacionamento de veículos de garagem

Paula Vitorino

Veículos da garagem particular, que fica na esquina da 25 de Dezembro com a Amazonas, ocupam a via. (Foto: Edilena da Rocha)Veículos da garagem particular, que fica na esquina da 25 de Dezembro com a Amazonas, ocupam a via. (Foto: Edilena da Rocha)

Falta local para estacionar no cruzamento das ruas Amazonas e 25 de Dezembro, em Campo Grande, segundo denúncia feita por Edilena da Rocha. A leitora do Campo Grande News enviou fotos para a reportagem que mostram a situação no cruzamento.

Segundo Edilena, o espaço de estacionamento público nas vias está sendo ocupado por carros de uma garagem particular de veículos, que fica no local.

“Os carros da garagem ficam estacionados nos dois lados da rua, com propagandas de venda neles. Fica impossível estacionar na esquina da Amazonas com a 25 de dezembro”, afirma.

A leitora ainda questiona a falta de fiscalização dos órgãos de trânsito no local.

“Cadê a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) para fiscalizar ali?”



PAULO ROBERTO o seu comentário e capaz, dentre todos os outros de ser o único a ser atendido. Tome cuidado com as idéias ou logo teremos que pagar para estacionar em frente a nossas residências.
 
Judson Moraes em 30/03/2011 12:41:49
Solução para os veículos estacionados. Coloca o parquímetro nesta rua e também fiscalização. Quero ver se os garagistas não vão colocar todos os carros para dentro.
 
Paulo Roberto em 30/03/2011 10:59:11
Vocês não têm o que fazer? Deixem o comerciante trabalhar, pois ao contrário de quem critica ele está gerando empregos e pagando impostos.
 
Lindomar Afonso Vilela em 30/03/2011 10:59:04
Os carros estacionados estão tirando serviço de outras pessoas também, nesta mesma esquina tem um salão que seus clientes não encontram espaço para estacionamento. Então senhor Carlos Augusto, temos que deixar todos trabalharem, pois a vida está dificil mesmo.
 
Norma Regina em 30/03/2011 10:29:31
Sr. João da Silva Gomes. Que lamentavel esta tua postura. Vê se que o senhor tem pouco respeito as pessoas de bem. Vá trabalhar o senhor em vez de fazer comentários inuteis.
Todos pagamos impostos, não é só o senhor e o dono da Garagem.
 
Edilena da Rocha em 30/03/2011 10:24:32
Se ele vender meu carro, por R$ 20.000,00 (beleza), afinal, propaganda é a alma do negócio.
Brincadeiras a parte. No meu ponto de vista, não acho que esse comerciante, intencionalmente tenha abusado de nosso espaço físico, porém em contrapartida os orgãos cuja responsabilidade primordial deveria ser a de fiscalizar esse tipo de situação, restringem-se mais ou tão somente ao centro de nossa cidade. Partindo-se do ponto em que todos os brasileiros, temos direitos e deveres; talves o orgão responsável pudesse, começar a advertir inicialmente educativamente, afinal tratam-se de pessoas que estão trabalhando. Para ser mais específico. A AUSÊNCIA RESULTOU NA OCORRÊNCIA.
 
Judson Moraes em 30/03/2011 10:13:01
A cidade é grande, uma capital, mas a mentalidade do povo é provinciana....Respeito pelo direito do outro cabe em qualquer lugar, se o sujeito vende carros tem obrigação de ter seu próprio espaço par fazê-lo. Daqui a pouco o povo vai achar-se no direito de ocupar as calçadas para todo tipo de comércio, como se faz no Bras, Campo Grande tem que se preparar para ser cidade desenvolvida, sem estes problemas que tornaram as grandes cidades num verdadeiro caos...
 
lucimar chimenes em 30/03/2011 10:10:46
A agetran poderia passar em minha rua,automóveis com frequência ficam estacionados na calçada,rua 11de setembro , bairro rosa pires,além ,da rua ser estreita,complica muito mais com o estacionamento irregular.
 
carlos alfredo em 30/03/2011 09:44:15
NA AV BANDEIRANTES É PIOR, TEM 03 GARAGENS DE VEICULOS PRÓXIMO AO BANCO DO BRASIL, QUE OS CARROS FICAM ESTACIONADOS EM FRENTE AS GARAGENS DURANTE O DIA INTEIRO.
EM FRENTE TEM UMA CENTRAL DE RECEBIMENTOS E NÃO TEMOS AONDE ESTACIONAR,PORQUE OS GARAGISTAS ALÉM DE REBAIXAR O MEIO FIO INTEIRO UTILIZAM A FRENTE TODA PARA EXPOR SEUS CARROS A VENDA.

CADÊ O RESPEITO !!!
E TEM MAIS JÁ FLAGREI GARAGISTA LAVANDO CARRO NA CALÇADA !!!
É PRA ACABAR!!!
 
joaquim silva em 30/03/2011 09:38:15
Realmente certas atitudes podem não estar corretas por parte de alguns comerciantes, porem não são sò os garajistas, afinal os feirantes ultilizam a via pùblica para trabalhar, os vendedores ambulantes, os donos dos bares que enchem as calçadas de mesas,os vendedores de espetinhos e sem falar nos eventos festivos onde a via pùblica vira um palco e a calçada ponto comercial...Nòs leitores estamos de olho!!
 
william marcondes da costa leite em 30/03/2011 08:55:23
Ele paga praticamente os mesmos imposto que qualquer um paga, ele tem direito de ocupar quantas vagas ele quiser! so não vale por na frente da sua entrada de garagem!
 
Leandro Paraná em 30/03/2011 08:36:59
Na Av. Bandeirantes a situação é pior ainda, a via tem QUATRO pistas de rolamento e dois recuos de estacionamento, um de cada lado da via, porem muitos "empresários" simplesmente estenderam a calçada, cobrindo o recuo do estacionamento, afunilando a via, forçando assim os veículos a parar na faixa de rolamento literalmente atrapalhando o trânsito.
 
Julio Ramires em 30/03/2011 08:35:00
E simples, so Agentran guinchar os veiculos. o cara vai aprender. Balcao de negocio nao poder na calcada.
 
Helio Cruz de Alencar em 30/03/2011 08:33:11
Se os automóveis estão com a documentação em dia, tem todo o direito de ali ficarem, afinal impostos como o IPVA são pra isso mesmo, culpa é do poder publico que nao investe em soluções e da fim a toda a dinheirama arrecadada com impostos sobre veiculos, IPI, ICMS, IPVA, SIDE etc etc.
Agora uma solução simples é cobrar estacionamento proximo a garagens, pronto ta resolvido o problema.
 
Paulo Mazzetti em 30/03/2011 08:10:19
Cabe 3 tipos de multa pra esta camionete: estacionar a menos de 5 mts da esquina, com as rodas sobre a calçada, e ter invadido a faixa de retenção, é uma alegria pra um fiscal de transito.
 
Junior Santos em 30/03/2011 07:58:42
Socorro Tio Sam!!!Venha nos ajudar a limpar as calçadas e vias de gente que não respeitam os direitos dos outros...acabar com esse carros que tem o som alto, achando que todo mundo é obrigado a escutar essa barulheira...ajude-nos a exterminar os politicos corruptos...os maus policiais...os maus funcionaráros públicos...venha logo Tio Sam...socorro!
 
Jorge Junior em 30/03/2011 07:53:37
O garagista não está fazendo nada errado.Não está infringindo nenhuma lei, pois a rua é pública e o mesmo está pagando IPVA e outros impostos e taxas, gerando inclusive emprego. O que realmente causa estranheza é lá na Afonso Pena que alguns estabelecimentos estão colocando cones em frente e,inclusive, cobrando dos clientes que frequentam esses lugares. Em frente a uma pizzaria vem até na fatura a cobrança do estacionamento. Isso sim é um verdadeiro absurdo.
 
ivan abrahão marinho em 30/03/2011 03:47:29
Bom de se estacionar ai acredito que não tem problema, o ruim são os inúmeros motoristas que deixam seus carrões lindos e reluzentes estacionados em cima das calçadas por toda a cidade e a Agetran faz vista grossa, por que só parquímetro da dinheiro pra eles.
 
Oswaldo Junior em 29/03/2011 11:11:12
Se o problema é legislação, esta ai o modelo a ser seguido..
Quem quiser eu tenho o texto completo deste REGULAMENTO MUNICIPAL DE VEÍCULOS ESTACIONADOS ABUSIVA OU INDEVIDAMENTE NA VIA PÚBLICA

...

"DO ESTACIONAMENTO INDEVIDO OU ABUSIVO DE VEÍCULOS
Artigo 5º
(Estacionamento indevido ou abusivo)
1. Considera-se estacionamento indevido ou abusivo, de acordo com o Código da Estrada:

g. O de veículos ostentando qualquer informação com vista à sua transacção, em parque de estacionamento;

h. O de veículos sem chapa de matrícula ou com chapa que não permita a correcta leitura da matrícula.

2. Os prazos previstos nas alíneas a) e e) do número anterior não se interrompem, desde que os veículos sejam apenas deslocados de um para outro lugar de estacionamento, ou se mantenham no mesmo parque ou zona de estacionamento."

Fica a dica...
 
Roberto Manvailer Munhoz em 29/03/2011 10:32:05
Não á crime ou mesmo infração sem lei anterior que o defina. Deixa o cara trabalhar, deixa o cara defender o pao dele poxa. A vida ja nao ta facil pra ninguem e ainda um povo criar caso...
 
Carlos Eduardo em 29/03/2011 10:18:51
não concordo com nosso amigo João da Silva Gomes quando se refere a "estragar o negócio dos outros": se o negócio fosse feito dentro de no minimo regras de bom censo, educação e respeito a legislação de transito não haveria o que reclamar não é mesmo?... Trabalhar é bom, mas respeito ao próximo e seriedade cabem em qualquer ramo de atuação na cidade. Quem dera tivessemos cada vez mais pessoas denunciando coisas erradas em nossa cidade, assim nossos governantes se preocupariam em elevar a qualidade de tudo nessa capital ao invés de usarem de tanta arrogância na TV.
 
Israel Vasconcelos em 29/03/2011 09:25:38
Uai... Se comerciante NÃO pode colocar MESAS na calçada, pq os garagistas podem entupir as vias adjacentes ao seu comércio com dezenas de carros?!!!! Se for assim então vamos deixar os donos de farmácias (que não são poucas) colocarem seus balcões 'estacionados' no meio-fio pra ver se vendem mais.
 
Arthur Donavann em 29/03/2011 08:33:43
E simples e so o dono desse lugar alugar ou comprar um lugar maior , afinal com tantos carros assim deve ter grana para ir para um lugar maior !!!
 
Frederico A. Braz em 29/03/2011 08:06:20
Temos que tomar o máximo de cuidado ao nos expressar,para não passarmos por ridículos...e respeitar o próximo sem transparecer tanto nosso lado pré histórico(primitivo).Tenho meu trabalho,serviço,pratico esporte,viajo(tô no meu sul),cuido de trocentos animais,ajudo meus amigos e todos que necessitam de mim.O que quero dizer,sou muito ocupada,mas não sou cega, hipócrita...ou coisa parecida...sou muito crítica e também justa qdo necessário.Portanto senhor João da Silva, concordo com a leitura que fez as imagens.Já imaginou,se todos que pagam seus impostos resolvessem fazer comércio na rua.
 
neyde de oliveira em 29/03/2011 08:01:12
COMO TEM GENTE ATOA NESSE MUNDO, VAI TRABALHAR AO INVES DE TENTAR ESTRAGAR O NEGOCIO DOS OUTROS.... TENHO CERTEZA QUE TODOS OS CARROS QUE ESTAO NA RUA QUE SAO DA GARAGEM TBM PAGAM IPVA E LICENCIAMENTO!!!
 
João da Silva Gomes em 29/03/2011 06:51:21
Espaço Público não é espaço Particular.
Isto é um enorme desrespeito. Já imaginou se a moda pega?
CADÊ O AGETRAN??
 
Norma Regina em 29/03/2011 06:41:29
Carros com placas tampadas......."xuxo".
 
Roberto Assef Filho em 29/03/2011 06:27:02
Na avenida Zaran com a Rua central a revenda de carros coloca seus carros nos dois lados da via que fica em uma rua estreita, manobrando carros o dia todo é, simplesmente uma vergonha, um abuso.....devem conhecer alguém na Agetran.
 
Juarez Souza em 29/03/2011 06:25:07
É duro....calçadas usada por garagistas, por bicheiros (cambistas) e a prefeitura municipal por meio dos seus fiscais de calçadas porque a minha , digo a calçada da minha casa estava trincada e eles vieram e me obrigaram a fazer outra e com piso tátil , agetran e polícia de trânsito não fazem nada.
SOCORRO CHAPOLIN COLORADOOOOOOO
AFFF
 
Gilmar candido em 29/03/2011 06:19:08
a agetran tem que sair um pouco do centro.
 
sales filho em 29/03/2011 05:23:52
Mas, multar baseado em quê? Qual artigo do CTB deve ser autuado o garagista? Não sou agente de transito nem nada, mas, apesar de incomodar, ele não está infrigindo nenhuma lei: não estão sobre calçada, saída de estacionamento ou faixa de pedestre. Ou então vamos multar todos os carros que estão estacionados em via pública.
 
Rosângela Birtes Nunes em 29/03/2011 05:06:27
e barbosa, a coisa ta feia, os juros estao altos, e pior fazemos de tudo para vender, colocamos carros na rua, escrevemos no vidro vende-se e nada, so arrumamos confusao gente pra caguetar, e poucos compradores alias quase nem um, sei de um garagista que se matou, o outro ficou louco, esta catando latinha na rua, vendendo por peso para uma empresa de sao paulo , ta passando fome a barba cresceu, ta com os dentes todos podres,e o povo enchendo o saco porque tem um carrinho na calçada, sei de outro garagista que fugiu ta morando em xingura , virou pastor evangelico esse ta rico, nao quer saber mais de vender carros na rua.
 
luiz fernandes em 29/03/2011 04:08:33
Isso é comum. Quer outra? Em pleno bairro nobre da cidade (Vila Célia), na esquina entre as ruas Eduardo Santos Pereira e Goiás, um lava jato ocupa as duas ruas para deixar os carros dos clientes, inclusive os carros desmontados para conserto de para-choques.
 
Bruno Nodes em 29/03/2011 03:35:42
Verifica-se também que, pela foto postada os veículos se encontram com as placas emcobertas; na esquina e a menos de cinco metros; no passeo ou sobre faixa destinada a pedestres, o que pelo Código de Trânsito Brasileiro é proibido, conforme artigo 181, I e VIII e artigo 221.
 
marco antonio em 29/03/2011 03:06:11
A situação é idêntica na Av. Zahran com a Rua Central (atual Luiz Dódero). A garagem ocupa os dois lados da rua, impossibilitando o uso pelos usuários de serviços bancários etc da redondeza.
 
Mário da Rosa Machado em 29/03/2011 03:01:13
Sinceramente, não consigo visualizar qualquer irregularidade por estes veículos estarem estacionados, ainda mais se estiverem com IPVA e licenciamento pagos...
 
Osvaldo Chamorro em 29/03/2011 02:56:30

É muito desrespeito com o espaço público. Será que outros estabelecimentos poderiam fazer o mesmo ; ou o poder do dinheiro fala mais alto???
O que acontece é um desrespeito flagrante com os vizinhos estabelecidos nas imediações desta garagem.
Sê não existe lei regulamentadora ,"respeito é bom e todo mundo merece.! "
 
Sebastião Oliveira em 29/03/2011 02:17:35
Isso é na cidade inteira !!!! da uma passadinha na Av. Bandeirantes e do inicio ao fim da Avenida, ai vai o banco do brasil e fecha o estacionamento que é liberado só pros $$$$$ Bacanas $$$$ !!!!!!!!!
 
Sérgio Camargo em 29/03/2011 01:59:39
Essa mesma garagem ficava na esquinas das ruas bahia com abrão julio rahe e causava o mesmo problema, que se agravava com estacionamentos em filas duplas de carros de pais de alunos de uma escola particular nas imediações.
E eu também pergunto, cadê a fiscalização?
Falta de pessoal não é pois vemos vários deles "de campana" em locais em que as multas são abundantes...
 
EDSON TROMBINE LEITE em 29/03/2011 01:42:26
A Av. Bandeirantes vive o mesmo caos. Garagistas colocam seus carros à venda, em frente de vários estabelecimentos. Cadê a Agetran?Cadê?????
 
Edilene Lopes em 29/03/2011 01:34:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions