A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

10/11/2015 12:07

Silos e armazéns graneleiros predominam em estocagem agrícola de MS

Caroline Maldonado
Em silos, empresas armazenam 2,4 milhões de toneladas (Foto: Divulgação/Famasul)Em silos, empresas armazenam 2,4 milhões de toneladas (Foto: Divulgação/Famasul)

Com capacidade para 5 milhões de toneladas, os silos e os armazéns graneleiros da iniciativa privada predominam na rede armazenadora de grãos, produzidos em Mato Grosso do Sul, segundo levantamento divulgado hoje (10) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Somente em silos, os empresários armazenam 2,4 milhões de toneladas. A pesquisa chegou a esse volume a partir de 278 informantes da iniciativa privada. Armazéns graneleiros e granelizados comportam 2,5 milhões de toneladas. Eles pertencem a 176 empresários. Com capacidade menor, os armazéns convencionais, estruturais e infláveis de 129 empresas, estocam 1,03 milhão de m³.

As cooperativas também optam por estocar a maior parte da produção em silos. Conforme o levantamento, 61 cooperativas do Estado possuem silos, que comportam total de 1,5 milhão de toneladas. Entre as cooperativas, 34 informaram utilizar armazéns graneleiros e granelizados para 980 mil toneladas de grãos. Apenas 20 entidades de cooperação, optam por armazéns convencionais, estruturais e infláveis, que juntos estocam 263,2 mil m³.

O governo possui o menor número de unidades armazenadoras de todos os tipos e a maioria são silos. O Estado oferece silos com capacidade para 119,8 mil toneladas. Cinco entidades governamentais informaram possuir armazéns convencionais, estruturais e infláveis, que têm capacidade para 48,9 mil m³. A Conab (Companha Nacional de Abastecimento) tem 12 armazéns em MS. Alguns deles estão desativados. A situação é alvo de críticas de produtores, que têm dificuldades para armazenar grãos, em especial quando os preços não estão favoráveis.

No total, os silos são responsáveis por estocar 4,1 milhões de toneladas. Somente o comércio, exceto supermercado, tem a maioria de seus produtos em armazéns graneleiros, em detrimento de silos e armazéns convencionais.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions