A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

23/01/2017 12:31

"Pedro voltava de passeio em clube", diz cunhada de rapaz morto em BR

Viviane Oliveira e Marcus Moura
Pedro morreu após o carro em que estava ser atingido por um caminhão (Foto: reprodução/Facebook)Pedro morreu após o carro em que estava ser atingido por um caminhão (Foto: reprodução/Facebook)

Pedrinho, assim como era conhecido no Bairro Campo Nobre, onde morava com os pais, havia passado o domingo se divertindo e voltava de um passeio do Campo Grande Praia Clube, quando o carro em que estava foi atingido por um caminhão. Pedro Bones de Paula, 19 anos, morreu no local. Socorristas ainda tentaram reanimá-lo, mas sem sucesso.

O acidente ocorreu na tarde de domingo (22), no quilômetro 458 da BR-163, na saída para São Paulo, cerca de 15 quilômetros de Campo Grande, em frente à Cidade das Abelhas.

Ainda sem acreditar na tragédia que levou o cunhado, a dona de casa Camila Luiz Silva, 18 anos, conta que o jovem tinha ido pela primeira vez conhecer o clube. “Estávamos reunidos na casa da nossa avó, após almoço de domingo, quando recebemos a triste notícia do Samu”, lamenta.

Camila relata ainda que a família foi ao local do acidente e depois ao Imol (Instituto Médico odontológico Legal), onde o corpo foi reconhecido. “Ele teve hemorragia interna aguda”, diz a cunhada durante o velório do rapaz na manhã de hoje, na pax Anjos da Paz, que fica na Rua Batista, nº 118, Vila Nogueira. O corpo está previsto para ser enterrado por volta das 15h30 desta segunda-feira (23). 

Segundo a parente, Pedrinho trabalhava como técnico de refrigeração na loja do pai e nas horas vagas atuava como tatuador. “Ele era um menino tranquilo. A ficha ainda não caiu. Já fui lá ver o caixão, mas parece que não é verdade”, afirma Camila.

Carro, onde as vítimas seguiam, ficou com a frente destruída (Foto: Direto das Ruas)Carro, onde as vítimas seguiam, ficou com a frente destruída (Foto: Direto das Ruas)

Batida - Conforme boletim de ocorrência, Salviano Augusto Mimoso de Oliveira, 24 anos, seguia em um veículo Parati, de placas de Presidente Epitácio (SP), e tinha como passageiros o filho de 3 anos, e Pedro Bones, quando o automóvel foi atingido pelo caminhão Mercedes Bens, de placas de Sorriso (MT), conduzido por Deolindo Fernandes de Oliveira, 58 anos. Além dele, estavam no caminhão Aline Cano dos Santos, 26 anos, e Ronival da Silva Sales, 31 anos.

Ainda conforme registro policial, Deolindo dirigia atrás de um caminhão caçamba, que por algum motivo diminuiu a velocidade, e para não bater na traseira dele, o condutor manobrou a Mercedes no sentido contrário da pista e acabou colidindo de frente com a Parati. 

Pedro viajava no banco do carona e com o impacto da batida morreu no local. Já Salviano e o filho, sentado na parte de trás do automóvel sem a cadeirinha, equipamento recomendado para a idade, foram socorridos em estado grave à Santa Casa, onde continuam internados. 

Aline e Ronival sofreram ferimentos leves. O estado de saúde do casal não foi divulgado. Já Deolindo não ficou ferido. Na rodovia, há sistema de monitoramento e as imagens podem ajudar a polícia durante a investigação sobre o acidente de trânsito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions