A notícia da terra a um clique de você.
News Veículos
Campo Grande, Quarta-feira, 15 de Agosto de 2018

23/04/2017 18:50

Teste: Renault Logan 2017 com novo motor 1.6 16v

Avaliamos o sedã durante 7 dias, veja o que muda com a nova motorização

Márcio Martins
No visual, nenhuma mudança, mas o coração é novo. Fotos Divulgação RenaultNo visual, nenhuma mudança, mas o coração é novo. Fotos Divulgação Renault

A Renault apresentou no final do ano passado a linha 2017 do Sandero e Logan com o novo coração, saindo de cena o motor 1.6 de 8v para o novo 1.6 de 16v. Mas o que muda afinal? Parece pouco, mas o novo motor deu mais fôlego ao sedã que ficou mais econômico e potente.

 

Teste: Renault Logan 2017 com novo motor 1.6 16v
O motor 1.0 SCe é até 19% mais econômico e o 1.6 SCe chega até 21% e economia.O motor 1.0 SCe é até 19% mais econômico e o 1.6 SCe chega até 21% e economia.

Testamos por 7 dias o Logan na versão mais completa Dynamique 1.6 16v, que não tem nenhuma renovação no visual, mas o grande trunfo da Renault e o que está embaixo do capô: O novo motor 1.6 16v SCe, que agora traz inovações como duplo comando de válvulas variável na admissão e no escape e injetores posicionados no cabeçote, além disso agora é todo em alumínio resultando em 30 kg mais leve.

O nome SCe, significa Smart Control Efficiency ou controle inteligente da eficiência, que tem claro objetivo da engenharia da Renault durante o desenvolvimento, priorizar o desempenho e economia de combustível.

Teste: Renault Logan 2017 com novo motor 1.6 16v

Outro recurso bacana presente no carro que testamos é o sistema Stop&Start, antes usado apenas em carros de categorias superiores, esse sistema desliga o automóvel automaticamente em semáforo ou outras paradas por exemplo, com o câmbio em neutro, religando instanteneamente assim que é acionado a embreagem. Este sistema, segundo a marca, traz uma economia de até 5% de combustível, e está disponível nos modelos Sandero e Logan equipados com motor 1.6. Os modelos equipados com o câmbio automatizado Easy’R passam a oferecer controle de estabilidade (ESP) e assistente de partida em rampas (HSA).

Segundo a Renault o motor 1.0 SCe deixa Sandero e Logan até 19% mais econômicos e o 1.6 SCe, chega até 21% e economia, recebendo nota A pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV).

O interior é simples e segue sem mudanças, apenas a posição do controle do retrovisor elétrico mudou.O interior é simples e segue sem mudanças, apenas a posição do controle do retrovisor elétrico mudou.
Teste: Renault Logan 2017 com novo motor 1.6 16v

O carro também conta com o sistema de regeneração de energia ESM (Energy Smart Management), parecido com os utilizados na F1, que entra em ação durante a desaceleração do carro quando o motorista retira o pé do acelerador, o motor continua girando sem consumir combustível; nesse momento o alternador automaticamente passa a recuperar energia e enviá-la para a bateria, que aumenta sua carga sem consumo de combustível. Durante a aceleração, o alternador não precisa “roubar” energia do motor para enviar à bateria, já que houve a carga na desaceleração. A Renault diz que a economia é de até 2% no consumo.

Márcio Martins durante o teste com o do Renault Logan 1.6 16v SCe  (Campo Grande - MS)Márcio Martins durante o teste com o do Renault Logan 1.6 16v SCe (Campo Grande - MS)

Testamos o carro na estrada em uma viagem entre Campo Grande e Dourados, utilizando etanol no tanque, na ida fez média de 11 km/l e na volta foi utilizado somente gasolina, fez média de 13,8 km/l. Na cidade o consumo médio é de 9 km/l de etanol e 12 km/l com gasolina.

Ao volante o novo motor proporcionou boas retomadas em ultrapassagens, o carro responde bem ao acionar o acelerador, comparado ao motor anterior a diferença é grande, o câmbio também recebeu melhorias, foi substituído o antigo acionamento com varetas por cabos, deixando as trocas de marcha mais suáveis e precisas, além de diminuir as vibrações da alavanca.

O Logan tem ótimo espaço interno. O entre-eixos mede 2,63 cm, 3 cm maior do que o Toyota Corolla da geração anterior.O Logan tem ótimo espaço interno. O entre-eixos mede 2,63 cm, 3 cm maior do que o Toyota Corolla da geração anterior.
Teste: Renault Logan 2017 com novo motor 1.6 16v

Em relação ao antigo motor, o ganho foi de 11,3% de potência, passando de 106 cv para 118 cv, com etanol, com gasolina a potência foi de 98 cv para 115 cv, um aumento de 17,3%. O torque também é maior no novo motor: 16,0 kgfm em ambos os combustíveis.

O duplo comandos de válvulas variável na admissão ajuda, dando mais torque desde as baixas rotações. O Logan com motor 1.6 16v faz de 0 a 100 km/l em 10,8 segundos contra 13,6 do antigo motor.

Apesar da parte mecânica ter recebido só elogios, ainda falta melhorar a ergonomia; por exemplo, os botões dos vidros traseiros ainda continuam na parte de baixo do console central, porém os controles dos retrovisores melhoraram de posição. O acabamento apesar de simples é bom para a proposta do carro.

Teste: Renault Logan 2017 com novo motor 1.6 16v

No espaço interno o Logan tira de letra, é um dos maiores da categoria, 5 pessoas viajam com conforto sem aperto, conta com 3 centímetros a mais no entre-eixos que a geração anterior do Corolla por exemplo, medindo 2,63 m. Seu porta-malas tem bons 510 litros. Em pisos irregulares, a suspensão absorve as imperfeições do solo com boa eficiência.

Resumindo, apesar de nenhuma novidade no visual o novo motor vai ajudar o Logan na briga do disputado segmento de sedãs compactos. Partindo de R$ 56.400, o Logan tem como principal alvo o Nissan Versa SV 1.6 que tem preço de R$ 54.990, e usa o mesmo motor 1.6 flex de só que com 111cv, também o Prisma 1.4 LT, R$ 54.890, que é menor, menos equipado e tem 106/98 cv, e também mira o Hyundai HB20 S 1.6 16V Comfort que parte de R$ 56.615, porém pesa nessa briga o motor que tem mais potência 128/122 cv o visual moderno, mais equipamentos e também a garantia de cinco anos (contra três), entre outras diferenças.

Apesar de não ter ganhado mudanças no visual o Logan pode ser uma boa opção, principalmente para o consumidor que busca bastante espaço interno, robustez, economia de combustível e bom desempenho no trânsito.

Confira abaixo a ficha técnica

Renault Logan Dynamique 1.6 16v
Motor: 1.6 16V SCe flex
Potência: 115 cv (G) e 118 cv (E) a 5.500 rpm
Torque: 16 kgfm a 4.000 rpm
Direção: Assistência eletro-hidráulica; tração dianteira
Câmbio: Manual, cinco marchas
Suspensão: Independente McPherson (dianteira), eixo de torção (traseira)
Freios: Discos ventilados na frente e tambores atrás
Rodas e pneus: 185/65 R15
Dimensões: 4,35 m (comp), 1,73 m (larg), 1,53 m (alt), 2,63 m (entre-eixos)
Peso: 1.062 kg (ordem de marcha)
Capacidade do tanque: 50 litros
Capacidade do porta-malas: 510 litros
Aceleração: 0 a 100km/h: 9,9 segundos
Velocidade máxima: 186 km/h
Preço: R$ 56.400

 

Versões do Logan:
Authentique 1.0 12V
Expression 1.0 12V
Expression 1.6 16V
Expression 1.6 16V Easy’R
Dynamique 1.6 16V
Dynamique 1.6 16V Easy’R




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.