A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

13/03/2019 08:26

Despertai, filhos da luz!

Por Heitor Freire (*)

“Caminhai, crescei e tornai-vos um auxiliar, em vez de permanecerdes sempre precisando de auxílio!”

A vida se constitui num aprendizado constante. Cada um de nós, ao sermos criados por Deus, fomos pensados por Ele. E recebemos um nome que é o nosso nome verdadeiro, único, original, a confirmação da nossa criação. Quando encarnamos recebemos um nome para cada encarnação.

Uma das grandes descobertas do ser humano, no meu entendimento, é a de descerrar o véu que encobre o seu nome verdadeiro. É uma busca que deve empolgar a todos os que têm no seu íntimo, a lembrança da sua pátria espiritual e que reativa a luz infinita da esperança que não se apaga nunca.

As qualidades intrínsecas que já são naturalmente inerentes a cada um de nós, precisam ser estimuladas e desenvolvidas pelo trabalho constante e consciente de cada um. Nada acontece por acaso. Estão em nosso coração onde Deus colocou o seu mandamento (Dt 30,11-14), fonte de todo poder, mas não atuam por gravidade precisam ser descobertas e trabalhadas. O ser humano tem que fazer a sua parte na grande construção cósmica do universo.

Todos somos trabalhadores da seara do Senhor.

Na busca natural pelo autoconhecimento vamos encontrando, aqui e ali, indicações e referências que vão balizando nosso caminho espiritual. Dentre os livros que encontrei, destaco hoje Aos pés do Mestre (Ed. Pensamento), escrito por Krishnamurti, e segundo a editora, “este livrinho editado originalmente em 1908/9, foi desde logo traduzido e publicado em mais de quarenta línguas, inclusive o esperanto e o método braille. Suas reedições não pararam até hoje”.

Na mesma edição encontramos Despertai, Filhos da Luz!, de dois escritores anônimos, contendo uma sugestiva e inspiradora mensagem do Eu Superior ao eu inferior de cada ser humano, e o terceiro, O Que Devemos Ensinar, de C. Jinarajadasa.

Nesta etapa de artigos, vamos inicialmente nos inspirar nas palavras do Despertai!:

Discernimento

Não podemos empregar pessoas que não tenham discernimento. De trabalhadores carecemos, capazes de trabalhar isoladamente.

Necessitamos de colaboradores – e para isso deveis ser capazes de distinguir o que tem importância do que não tem.
Poremos muitas vezes à prova o vosso senso comum: e deveis aprender a guiar-vos sozinho, para que possamos confiar em vós.

Aquilo que de vós carecemos depende da energia da vossa própria mente.

Deveis desenvolver tão completamente a vossa independência de pensar e de agir, que possais com segurança discernir cuidadosamente, antes de falar, agir ou pensar.

Procedei com discernimento em todas as coisas: os excessos nunca são judiciosos.
Meditai sobre aquilo que vos temos dito – pois, já o sabeis, carecemos de homens que por si mesmos pensem.

Nada de obediência cega

Precisamos de auxiliares capazes de pensar com independência e de julgar por si mesmos, e não propensos a obedecer cegamente.
Pensai sempre em Nós e naquilo que temos de fazer – e então sabe-lo-eis. Mas não obedeçais cegamente sem compreender.

É melhor cometer um erro usando o próprio discernimento – do que nos obedecer cegamente; nem seguires a vossa vontade nem a Nossa.

(*).Do livro AOS PÉS DO MESTRE - Despertai, Filhos da Luz! Krishnamurti

Estes ensinamentos de alta significação espiritual foram transmitidos a dois proeminentes místicos que desejaram ficar incógnitos. Cada um poderá interpretá-los segundo a sua tendência filosófica ou mística (Nota da Editora Pensamento).

(*) Heitor Rodrigues Freire é corretor de imóveis e advogado.

Antônio Baiano – Um Gigante
Roseli Marla, minha cunhada querida, neste momento de profunda tristeza que todos estamos vivendo com a morte prematura do nosso querido Antônio Baia...
Projeto de lei pretende punir quem ocultar bens no divórcio
Quem milita na área do Direito de Família está, infelizmente, mais do que acostumado a se deparar com inúmeros expedientes para fraudar o direito à m...
Internet, Vínculos e Felicidade
A cada dia estamos passando mais tempo em celulares e computadores. Tanto que muitas vezes, quando maratonamos seriados, até a televisão pergunta: "t...
Origem espiritual da Profecia
Em minha obra Os mortos não morrem, transcrevo estudos abalizados e relatos interessantíssimos sobre a realidade da vida após o fenômeno chamado mort...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions