ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, DOMINGO  26    CAMPO GRANDE 12º

Artigos

Growth mindset e grit, desempenho e bem-estar

Vários autores (*) | 30/09/2022 09:30

Mindset refere-se ao conjunto das crenças que temos sobre nossas capacidades. “Growth mindset” refere-se à crença de que nossas habilidades podem ser desenvolvidas por meio do esforço, como uma programação da mente por meio de novas experiências. A inteligência e a personalidade não seriam traços fixos que não podemos mudar, mas, sim, que podem crescer. O fomento do Growth Mindset pode impactar a educação e o mercado de trabalho ao se ensinar que, com prática, treinamento e diferentes estratégias, é possível desenvolver altos níveis de habilidade e ainda promover efeitos positivos na motivação.

“Grit” é a capacidade de perseverar com paixão nos propósitos de longo prazo, mantendo-se motivado na busca de suas metas. Maiores taxas de Grit estão relacionadas a um maior nível de realização, bem-estar e saúde mental, relacionando-se à busca de comprometimento no trabalho, estabilidade de emprego e relacionamentos. Na medida em que assumimos que as pessoas podem aprender e desenvolver seu cérebro durante a vida, damos, portanto, a elas a oportunidade de perseguir seus interesses com entusiasmo e resiliência.

Este trabalho tem como objetivo revisar os conceitos de Mindset Growth e Grit, suas aplicações e os resultados das intervenções existentes na literatura até o momento, a fim de identificar perspectivas futuras para sua aplicabilidade.

Para verificar as aplicações dos conceitos de Mindset Growth e Grit e os resultados de intervenções já desenvolvidas, realizamos uma revisão composta de 39 artigos publicados nas bases de dados Embase e Pubmed. Demos preferência para artigos publicados nos últimos cinco anos, com relevância histórica e com maior fator de impacto. Foram excluídos artigos em que os conceitos eram apenas citados sem fazer parte da temática central.

O ambiente acadêmico desafia o crescimento dos educadores, pois, nos locais em que predomine a mentalidade fixa, eles estarão sendo reforçados negativamente, enfatizando que capacidade e talento são mais importantes que o crescimento e o desenvolvimento.

As mentalidades fixas costumam definir sucesso em termos de resultados e são propensas a evitar desafios. Já a mentalidade de crescimento tende a incentivar a vontade e capacidade de trabalhar duro e aprender com cada situação, pois entende as capacidades como sendo passíveis de melhoria. Esse tipo de compreensão das funções do cérebro impulsiona os indivíduos para uma maior abertura a situações difíceis.

Uma pesquisa analisou a importância do conceito de Grit em universitários com o objetivo de desenvolver uma escala que medisse fatores como Grit, flexibilidade, bem-estar mental, mentalidade, autocontrole e outros fatores influentes para o seu desempenho acadêmico. Os estudantes com Grit mais alto demonstraram maior nível de autocontrole, bem-estar mental, satisfação com a vida, sentimentos de valor, resiliência e mentalidade de crescimento, além de menor nível de estresse. Alunos bem-sucedidos tiveram maior probabilidade de superar desafios e obstáculos pessoais e foram capazes de identificar seus objetivos de longo prazo. Eles tiveram uma atitude positiva em relação à aprendizagem e enfatizaram a importância do feedback e da crítica construtiva em seu desenvolvimento pessoal.

Ao relacionar os conceitos de Growth Mindset, Grit e saúde mental, um estudo randomizado com 96 jovens de idades entre 12 e 15 anos comparou os indivíduos que receberam uma intervenção de mentalidade de crescimento de 30 minutos guiada por computador com aqueles que receberam uma terapia de apoio como controle. A intervenção da mentalidade de crescimento levou a melhorias significativas na depressão juvenil relatada pelos pais e pelos jovens, na ansiedade e no controle comportamental percebido pelos jovens.

 Em uma amostra de adolescentes latinos, aqueles com alto Grit apresentaram chances mais baixas de uso de álcool nos últimos 30 dias, uso de maconha e envolvimento em comportamento delinquente. Assim, Grit pode ser um complemento útil ao tratamento padrão do transtorno por uso de substâncias ao ressaltar a importância de não desistir, apesar dos obstáculos, e continuar a focar nos objetivos-chave da recuperação.

Os conceitos de Growth Mindset e Grit são úteis e prósperos, uma vez que sustentam a hipótese de impactar o desempenho em múltiplos contextos.

(*) Indianara Müller Schneider é psiquiatra especializada em adição.

(*) Nino Marchi é psicólogo e mestre em toxicologia e ciência farmacêutica pela UFRGS. É pesquisador e colaborador do Centro de Pesquisa em Álcool e Drogas, no Hospital de Clínicas de Porto Alegre.

(*) Andressa Goldman Ruwel é estudante de medicina na Universidade do Vale do Rio do Sinos e é pesquisadora do Centro de Pesquisa em Álcool e Drogas, no Hospital de Clínicas de Porto Alegre.

(*) Lara Helena Zortéa é estudante de medicina na Universidade Luterana do Brasil.

(*) Felix Henrique Paim Kessler é psiquiatra especializado em adição e atua como psiquiatra e professor do departamento de psiquiatria e medicina legal na UFRGS.

Nos siga no Google Notícias