A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 17 de Agosto de 2019

19/05/2019 09:21

Tudo de bom

Marcelo Harger*

Há pessoas que são tudo de bom. Por alguma razão irradiam o ambiente de luz. Mal as conhecemos e sentimos confiança para confidenciar-lhes as nossas vidas. Trazem alegria. A própria presença faz bem.

Sentimo-nos confortados perto desses seres iluminados. Encaram a vida de cima. Não existem problemas insolúveis para eles, ou melhor, nem mesmo existem problemas. No máximo contratempos, vicissitudes. Nos momentos em que nos sentimos mais desesperados lá estão eles, com aquela serenidade para aconselhar e distribuir bom senso.

Tudo fica fácil depois de com eles conversarmos. Sempre tiram uma solução da cartola. Algumas vezes nos dizem o óbvio, que naquele momento está invisível aos nossos olhos. Outras ratificam o que já pensávamos. Mas a concordância dessas pessoas traz paz e segurança aos nossos corações. Há também ocasiões em que resolvem o impossível. Agem como verdadeiros mágicos.

Finalmente, há casos em que nada fazem, porque não existe o que fazer. Apenas nos olham com aquela cara de que nos compreendem e nos ajudam a aceitar o inevitável. De alguma maneira, o fato de sermos compreendidos por eles é reconfortante. Traz alento. Diminui a importância das dificuldades.

Pessoas assim são raras como diamantes. São seres iluminados que “fazem o bem sem olhar a quem”. Vieram ao mundo para fazer a diferença e com suas atitudes o torna um lugar melhor para se viver. Agem de forma natural, sem esperar qualquer tipo de reconhecimento. Contentam-se em fazer o que é certo pelo simples prazer de acertar. Trazem poesia para um mundo em que cada vez existe menos amor.

É nesses indivíduos especiais que devemos pensar em nosso dia a dia. Sigamos o exemplo que eles nos dão. Imitemos, ainda que com imperfeições. Cada ser humano é diferente e, por isso, jamais poderíamos ser cópias fiéis. Utilizando-os como modelo, estaremos desenvolvendo a luz interior que existe em cada um de nós.

É advogado em Joinville (SC), pós-graduado em Processo Civil pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Mestre e Doutor em Direito do Estado pela PUC-SP

Juntas podemos combater o câncer de mama
O câncer de mama não é uma doença simples: pode ser influenciado por uma série de características e fatores individuais, apresentando-se de diferente...
A reimplantação dos cassinos no Brasil
Há setenta e três anos, no dia 30 de abril de 1946, o presidente do país, general Eurico Gaspar Dutra, assinava o Decreto Lei nº. 9215 restaurando o ...
Smartphones, aplicativos, registros, leite e exportação
A nova legislação do leite, publicada no final de 2018 e vigente, tem uma formatação que exige diversos controles e monitoramentos, desde o campo. Es...
Muito pouco, muito tarde
Finalmente, o Banco Central do Brasil se rendeu à realidade do gravíssimo quadro de estagnação da atividade econômica vigente no país e decidiu reduz...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions