ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  12    CAMPO GRANDE 17º

Cidades

Com 21 casos de covid-19 confirmados, BRF reforça medidas de segurança

Suspensão de todas as visitas na unidade, adoção de quarentena preventiva para os colaboradores estão entre as ações

Por Rosana Siqueira | 03/06/2020 17:42
Medidas visam dar mais segurança a quase 1,5 mil funcionários (Arquivo)
Medidas visam dar mais segurança a quase 1,5 mil funcionários (Arquivo)

Com quase 1,5 mil funcionários diretos, e 21 casos confirmados de infecção por covid-19 a BRF apresentou hoje novas medidas adotadas na planta de Dourados para a SES (Secretaria de Estado de Saúde) e a Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) em videoconferência. A meta é reforçar a segurança dos funcionários, por meio do cumprimento dos protocolos de segurança sanitários.

Entre as ações adotadas estão a suspensão de todas as visitas na unidade, adoção de quarentena preventiva para os colaboradores vindos de regiões com casos confirmados de Covid-19, monitoramento de temperatura de todos os colaboradores nas portarias, alternância dos horários de almoço, reforço da limpeza e disposição de álcool em gel e equipamentos de proteção.

As medidas foram repassadas pela diretoria da BRF de Dourados e de São Paulo que apresentou os modelos de segurança adotados ao secretário Jaime Verruck da Semagro, Geraldo Rezende da Saúde e ao presidente da Avimasul (Associação de Avicultores de MS), Adroaldo Hoffmann.

A empresa também informou as autoridades estaduais que vacinou contra a gripe todos os colaboradores, instalou barreiras sanitárias de desinfecção dentro das unidades e aumentou a ventilação em todas as dependências.

A unidade frigorífica emprega 1.473 colaboradores diretos além de 103 integrados, para produzir 242,5 toneladas/dia de frango para atender ao mercado interno e externo. A planta de Dourados da BRF exporta 3.015 mil kg/mês pra 18 países, entre eles a China, Japão e Hong Kong.

Comitê - Em março, com a chegada do Coronavírus ao Mato Grosso do Sul, a Semagro por meio do Comitê de Gestão para Monitoramento das Ações da Pasta, definiu protocolos de segurança por todos os setores do setor produtivo, agora com maior ênfase nos frigoríficos.

“A região de Dourados está concentrando grande parte dos casos de coronavírus do Estado e estamos acompanhando de perto as medidas de segurança adotadas pelas indústrias e principalmente os frigoríficos, que registraram alguns casos entre os funcionários”, destaca o secretário Jaime Verruck.

Doações - A empresa que ainda monitora 247 funcionários suspeitos, fez doações para o Distrito Sanitário Especial Indígena de 200 máscaras PFF2, 2 mil máscaras de tecidos e 5 mil kits de EPI (Equipamentos de Proteção Individual) contendo calça, touca e propés. À prefeitura de Dourados entregou 1,5 mil kg de seus produtos para hospitais públicos, 1 mil testes rápidos e Covid-19, 400 máscaras PFF2 e 2 mil máscaras de tecidos, além de 5 mil kits de epis.

 O Instituto Fuziy recebeu 900 kg de produtos BRF e a UFGD (Universidade Federal a Grande Dourados) outros 1,5 mil quilos de produtos.