ACOMPANHE-NOS    
MAIO, DOMINGO  09    CAMPO GRANDE 21º

Cidades

Das 49 vítimas de covid deste domingo, 11 não tinham comorbidades

No boletim da SES, 11 pacientes não tinham histórico como diabetes, obesidade ou doença cardiovascular

Por Silvia Frias | 11/04/2021 15:51
Ala de pacientes covid-19 no Hospital Regional: lotação e trabalho incessante (Foto: Saul Schramm)
Ala de pacientes covid-19 no Hospital Regional: lotação e trabalho incessante (Foto: Saul Schramm)

Das 49 mortes relatadas em decorrência da covid-19 em Mato Grosso do Sul, 11 aparecem, preliminarmente, listadas como sem relação a qualquer comorbidade, que poderia agravar a doença. Na lista, uma das vítimas tinha 29 anos.

As comorbidades mais comuns relacionadas às mortes são hipertensão, obesidade, doença vascular ou diabetes. Nas 11 mortes, não há qualquer indicativo da presença destas doenças.

As mortes foram divulgadas no boletim epidemiológico diário da SES (Secretária Estadual de Saúde). Hoje, o Estado registrou 229.419 casos de covid-19, sendo 992 nas últimas 24h. Já são 4.870 mortes em MS, destas, 2.108 em Campo Grande.

Das mortes em que não constam qualquer comorbidade, 4 pessoas estão na faixa dos 51 a 58 anos. O grupo com idade de 50 a 59 anos corresponde a 13,9% das infecções, sendo 31,9 mil casos.

Entre as vítimas, mulher de 51 anos, residente em Camapuã que foi notificada com a doença no dia 6 de abril e morreu no dia seguinte. Os outros pacientes na faixa etária, tiveram sobrevida de 7 a 10 dias.

A mais jovem entre os “não relatados” com comorbidade é mulher de 29 anos, residente em Tacuru. Teve doença confirmada no dia 17 de março e morreu no dia 9 de abril. Outro foi homem de 39 anos, com diagnóstico positivo no dia 17 de março e morreu dia 8 de abril.

Atualmente a faixa etária dos 30 aos 39 anos concentra o maior número de infecções pela doença em Mato Grosso do Sul, com 54.084 de infectados, 23,6% do total. Dos 20 aos 29 anos, foram 44.574 casos, 19,4% e dos 40 aos 49 anos, 44.008 notificações.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário