ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  12    CAMPO GRANDE 20º

Cidades

Dinheiro da Nota Premiada surpreende quem nunca se achou sortudo

Vencedores deram destinos diferentes ao prêmio; teve de investimento em ações até pagamento de contas com o montante mais baixo

Por Maressa Mendonça | 04/06/2020 08:48
José Wilson mostra nota fiscal com CPF e diz não esquecer de pedir para incluir os números (Foto: Paulo Francis)
José Wilson mostra nota fiscal com CPF e diz não esquecer de pedir para incluir os números (Foto: Paulo Francis)


Precisou o dinheiro da “Nota MS Premiada” cair na conta bancária para os vencedores acreditarem que são, sim, sortudos e que o programa não é fake news. Desde o início do ano, o Governo do Estado sorteia prêmios entre os sul-mato-grossenses, com base no CPF na nota, para combater a sonegação fiscal. Quem nunca ganhou fica perguntando se a história é para valer. Mas quem ganhou já gastou e agora torce por novos sorteios.

O motoboy José Wilson dos Santos foi um dos vencedores. Ele conta que sempre pediu a inclusão do número do CPF nas notas fiscais e ficou ainda mais animado após saber que um amigo dele tinha sido sorteado em outro estado. Em março foi a vez dele receber os R$ 527 da quina. “Paguei contas então foi bem utilizado”, declarou.


Contribuinte confere se nota fiscal está entre as sorteadas (Foto: Divulgação)
Contribuinte confere se nota fiscal está entre as sorteadas (Foto: Divulgação)


Desde o sorteio, Wilson não perde a chance de colocar os número do CPF nas notas fiscais. “Nos mercados já fazem a pergunta, mas quando não falam eu mesmo aviso e colocam”, diz. Ele não lembra ao certo qual foi a compra da nota vencedora, mas o valor não passou dos R$ 5.

Para o autônomo Airton Pinheiro, de 24 anos, a sorte vem em dose muito mais generosa. Levou R$ 25 mil no sorteio da Nota MS Premiada. Morador de São Gabriel do Oeste, diz que, em princípio, ficou desconfiado com as orientações de informar os números do CPF.

“Conversei com um contador, ele disse que era sério e comecei a colocar o CPF nas notas. Depois acompanhei o sorteio e vi que ganhei”, conta ele, afirmando não se considerar uma pessoa de sorte. “Me acho mesmo é sem sorte, mas desta vez eu tive”.

Ele já era acostumado a fazer investimentos em ações e aproveitou a grana extra para isso. Questionado se lembra da compra que o fez ganhar, ele diz não saber ao certo os produtos ou valores, mas foi em posto de combustível da cidade.

Outra que levou os R$ 25 mil para a casa preferiu não informar o nome por ser idosa. Com 65 anos e moradora de Campo Grande ela conta ter descoberto sobre o prêmio por meio do proprietário do mercadinho do bairro, onde está habituada a comprar “fiado”.

“Eu tenho meu CPF cadastrado lá e nem sabia que existia esse programa. Aí o dono me ligou para ir lá falando que eu tinha sido sorteada e me explicou”, conta. O dinheiro, segundo ela, tem sido usado para auxiliar os parentes.

Nota premiada - Os sorteios são realizados mensalmente e para participar basta pedir a inclusão do CPF nas notas fiscais. O prêmio total é de R$ 300 mil que é dividido entre os vencedores que acertam a Sena ou a Quina. Os números são gerados automaticamente. Em fevereiro foram sorteadas 295 pessoas, em março outras 305 e em abril outras 383.