ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  25    CAMPO GRANDE 33º

Cidades

Gestantes vacinadas com Astrazeneca receberão 2ª dose de outro fabricante em MS

Próximas doses que desembarcarem no Estado serão destinadas para o complemento do ciclo vacinal deste público

Por Jhefferson Gamarra e Adriel Mattos | 26/07/2021 16:38
Secretário Estadual de Saúde, Geraldo Resende durante coletiva nesta segunda-feira (26) (Foto: Paulo Francis)
Secretário Estadual de Saúde, Geraldo Resende durante coletiva nesta segunda-feira (26) (Foto: Paulo Francis)

Grávidas e puérperas imunizadas contra a covid-19 com a primeira dose da Astrazeneca poderão receber a segunda dose com a vacina da Pfizer ou Coronavac em Mato Grosso do Sul. A autorização foi anunciada pela Secretaria Estadual de Saúde nesta segunda-feira (26).

De acordo com o titular da pasta, Geraldo Resende, o grupo poderá tomar a segunda dose a partir da próxima remessa de vacinas que chegar ao Estado, prevista para esta semana. segundo ele, a medida é sustentada por estudos científicos que garantem a eficácia de combinar os fabricantes.

“Nós entendemos e a ciência comprovou que é possível fazer o ciclo vacinal com a dose da Pfizer. Mato Grosso do Sul autorizou e a orientação e de que os carregamentos que estão previstos para chegar amanhã e na quarta-feira sejam utilizados para completar ciclo vacinal. Caso não existam doses da Pfizer os municípios podem fazer também com a Coronavac, do instituto Butantan”, explicou Geraldo.

Gravidas e puérperas foram incluídas na campanha de vacinação contra covid-19 em maio, período em que o Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde, suspendeu o uso da Astrazeneca para estes públicos depois da morte por acidente vascular cerebral de uma grávida que recebeu a dose.

Previsão de novas doses – O Ministério da Saúde deve enviar ao Estado nesta semana 112.660 doses de vacina contra a Covid-19. No total serão 41.400 doses da Coronavac, 26.910 doses da Pfizer e 44.350 doses da Astrazeneca.

A quantidade que cada município irá receber será definida com todas as Secretarias Municipais de Saúde em reunião extraordinária da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) e será publicado no Diário Oficial do Estado.

Orientação em Campo Grande - A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) orienta as gestantes que foram vacinadas em Campo Grande com a primeira dose de Astrazeneca a entrarem em contato com o serviço de “Alô, mamãe” para serem acompanhadas caso tenham reações.

Além do pedido para que as gestantes entrem em contato com o serviço, a Sesau está realizando também um levantamento deste público, através de contato telefônico e por meio de mensagem via aplicativo WhatsApp.

As gestantes que foram imunizadas com Astrazenca em Campo Grande podem entrar contato com o serviço de telemonitoramento através do número 67 – 2020-2170 das 7h30 às 19h.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário