ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEGUNDA  17    CAMPO GRANDE 34º

Cidades

Histórias distintas, mas com os mesmos objetivos, marcam o Enem na Capital

O Campo Grande News entrevistou jovens que acabaram sair do Ensino Médio, além de personagens mais experientes

Por Flávio Veras | 21/11/2021 13:09
Na UCDB, a maioria dos candidatos prefiriram se antecipar e chegaram duas horas antes da abertura dos portões. (Flávio Veras)
Na UCDB, a maioria dos candidatos prefiriram se antecipar e chegaram duas horas antes da abertura dos portões. (Flávio Veras)

O domingo (21) da primeira prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foi marcado por histórias distintas, porém se assemelham no mesmo objetivo: o sonho de fazer uma graduação no Ensino Superior. A reportagem do Campo Grande News conseguiu abordar dois polos desse desejo.

Entre eles, estão os estudantes de 16 anos, Milena da Silva Chaves e João Victor Souza Santos, o soldado do Exército Brasileiro Alberto da Silva Lima, de 23 anos e o músico Laury Garrastazu Ferreira Gonçalves, de 52 anos.

Mais jovens - Milena sonha em fazer Artes Visuais na UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Segundo ela, apesar da pouca idade, tem uma expectativa grande para obter uma boa nota no Enem. Oriunda do ensino público, afirmou que complementou o estudo com cursinhos pré-Enem.

“Como sou da escola pública, coloquei como objetivo estudar bastante este ano, pois a concorrência é grande. Aliado ao estudo em casa, também fiz aulas em cursinho. Portanto, acredito que venho preparada, apesar do nervosismo”, analisou Milena.

Milena, de 16 anos, espera alcançar boa nota no Enem e ingressas na faculdad de Artes Visuais. (Foto: Flávio Veras)
Milena, de 16 anos, espera alcançar boa nota no Enem e ingressas na faculdad de Artes Visuais. (Foto: Flávio Veras)

Já João Victor pretende prestar vestibular em Medicina, um dos cursos mais concorridos do País. "Eu pretendo prestar vestibular fora do Estado e, principalmente fora do País, onde financeiramente é mais viável estudar", explicou João Victor.

João Victor diz que o Enem é o primeiro passo para conquista seu senho: a faculdade de Medicina. (Foto: Flávio Veras)
João Victor diz que o Enem é o primeiro passo para conquista seu senho: a faculdade de Medicina. (Foto: Flávio Veras)

Experiência - Lutando contra essa “molecada”, está o músico Laury. Ele afirmou que sempre teve o sonho de se graduar em Música, mas até então, não foi possível. Ele acredita que com a experiência, bem como com a boa formação nos tempos de ensino fundamental e médio, possa obter uma boa nota e alcançar a carteira universitária.

“Pretendo agora com mais maturidade realizar meu sonho. Nada na vida é difícil, desde que você tenha foco e persistência", analisou o músico.

Laury, aos 52 anos, espera realizar o sonho de cursar a faculdade de Música. (Foto: Flávio Veras)
Laury, aos 52 anos, espera realizar o sonho de cursar a faculdade de Música. (Foto: Flávio Veras)

Treino - O soldado militar Alberto revelou que pretende fazer o Enem apenas como uma forma de treinos para outros concursos da área militar. Ele falou ainda que seu foco era seguir carreira no Exército, porém hoje, pretende ingressar nas chamadas forças auxiliares, como a Polícia Militar e Bombeiros.

"Como o Enem tem uma metodologia diferente de outros concursos da minha área, minha expectativa é usar a prova como uma espécie de treino, já que hoje, meu foco é ingressar nas forças de Segurança Pública. Como já venho prestando diversos concursos, o Exame seria uma forma de avaliar minha redação e outras áreas competeências do ensino”, explicou Alberto.

Alberto quer usar o Enem como uma espécie de treino para prestar concursos na área militar. (Foto: Flávio Veras)
Alberto quer usar o Enem como uma espécie de treino para prestar concursos na área militar. (Foto: Flávio Veras)

O Enem segue no próximo domingo (28), quando os candidatos farão as provas de Matemática e Ciências da Natureza. O exame seleciona estudantes para vagas do ensino superior públicas, pelo Sisu (Sistema de Seleção Unificada), para bolsas em instituições privadas, pelo Prouni (Programa Universidade para Todos), e serve de parâmetro para o Fies (Fundo de Financiamento Estudantil).

Os resultados também podem ser usados para ingresso em instituições de ensino portuguesas que tenham convênio com o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário