ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 22º

Cidades

Mais de 166 trabalhadoras denunciaram casos de assédio em MS

Investigações aconteceram entre janeiro de 2023 e abril de 2024 no MPT-MS

Por Kamila Alcântara | 17/04/2024 17:52
Manifestação contra assédio moral e sexual no trabalho, realizada em Campo Grande em 2022 (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)
Manifestação contra assédio moral e sexual no trabalho, realizada em Campo Grande em 2022 (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)

Do começo do ano passado para cá, o MPT-MS (Ministério Público do Trabalho de Mato Grosso do Sul) conduziu 166 procedimentos para investigar a conduta de empresas denunciadas por assédio moral e sexual contra mulheres. As trabalhadoras relatam falta de igualdade de oportunidades, violência, assédio e discriminação, além de assédio ou violência psicológica.

Segundo o Ministério, as violências se manifestam frequentemente com comentários depreciativos, isolamento intencional ou sobrecarga de trabalho. Essas práticas não só comprometem a saúde mental das trabalhadoras, mas também minam seu desempenho e sentido de pertencimento na empresa.

As investigações do MPT buscaram não apenas punir comportamentos infracionais, mas também atuar na promoção do ambiente de trabalho mais justo e seguro para as mulheres, enfatizando a importância de políticas internas eficazes que previnam, identifiquem e combatam tais práticas insalubres.

Para tentar mudar essa situação, o órgão está promovendo a campanha "Abril Verde", que vai ampliar essa discussão e mostrar a realidade sofrida por muitas mulheres no mercado de trabalho.

"Reforçaram a necessidade de políticas mais robustas e efetivas para prevenir e combater essas práticas, com o objetivo de garantir um meio ambiente de trabalho seguro, inclusivo e respeitoso para todos", destaca Cândice Gabriela Arosio, procuradora-chefe do MPT-MS.

Os canais do Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso do Sul para denúncias de assédio no trabalho incluem o site do MPT-MS, acessível clicando aqui, e o aplicativo MPT Pardal, disponível gratuitamente para download em smartphones.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias