ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, QUINTA  23    CAMPO GRANDE 25º

Cidades

Novo decreto libera aula e comércio, mas livra só 2 cidades do toque de recolher

Eventos com mais de 50 pessoas seguem proibidos em todo o Estado, por tempo indeterminado

Por Ângela Kempfer | 31/03/2021 12:48
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

O governo do Estado acaba de publicar em edição extra do Diário Oficial decreto que altera as medidas restritivas contra a covid-19 a partir de 5 de abril. O comércio pode reabrir a partir de segunda-feira, assim como escolas, academias, salões de beleza e demais prestadores de serviços.

Com a criação de 3 horários diferentes de toque de recolher, apenas 2 municípios com bandeira amarela estão livres dessa restrição: Jaraguari e Rochedo. As medidas valem por tempo indeterminado.

Seguem proibidos eventos, reuniões e festividades em clubes, salões, centros esportivos e afins, com participação de mais de 50 pessoas. O comércio em geral pode reabrir as portas, mas com atendimento de, no máximo, 50% da sua capacidade.

Fecha à noite - Estão livres do toque de recolher trabalhadores da saúde, transporte, serviços de fornecimento de alimentos e medicamentos por meio de delivery, às farmácias ou drogarias, às funerárias, postos de combustíveis, indústrias, restaurantes localizados em rodovias e hotéis.

Também segue liberado após o horário especial o funcionamento de hipermercados, supermercados e mercados, sem o consumo de alimentos e bebidas no local, e o com aceso de 1  pessoa por família, exceto nos casos em que for necessário acompanhamento.

O governo do Estado resolveu continuar com a suspensão das cirurgias eletivas pelos hospitais da rede pública estadual e pela rede contratualizada.São autorizadas apenas as cirurgias cardíacas, oncológicas, neurológicas e aquelas que, mesmo caracterizadas como eletivas, possam causar danos ao paciente caso não sejam realizadas durante o período de suspensão.

Veja como fica o toque de recolher em relação a classificação de risco de cada município:

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário