ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  21    CAMPO GRANDE 18º

Cidades

Saúde em MS atualiza pontos de vacinação contra pneumonia a grupos de risco

Vacina pneumocócica conjugada 13-valente, contra pneumonia e meningite é oferecida a pacientes com câncer ou transplantados

Por Silvia Frias | 12/08/2020 10:00
Vacina é proteção extra contra doenças causadas pelas bactérias da pneumonia e meningite (Foto/Arquivo: Henrique Kawaminami)
Vacina é proteção extra contra doenças causadas pelas bactérias da pneumonia e meningite (Foto/Arquivo: Henrique Kawaminami)

Resolução publicada hoje no Diário Oficial divulga lista de unidades de saúde aptas à oferta de vacina pneumocócica conjugada 13-valente em pacientes de risco, maiores de 5 anos, como transplantados e que convivem com HIV/Aids. A dose é proteção extra contra doenças causadas pelas bactérias pneumococo, como pneumonia e meningite, e está disponível na rede SUS desde 2019.

A publicação de hoje é resultado de aprovação ocorrida na reunião ordinária da Comissão Intergestora Bipartite, de 8 de julho. Segundo a SES, a lista publicada hoje atualiza endereços da vacinação em Corumbá e Dourados, conforme pedido dos gestores locais. O público-alvo deve ir aos locais, munido de prescrição médica.

Em Campo Grande, o público-alvo deve procurar a UBS (Unidade Básica de Saúde) Nova Bahia, Clínica Escola Integrada da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e o CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento). A lista completa pode ser conferida aqui.

A incorporação desta vacina ao SUS data de março de 2019, voltada para pacientes com imunidade comprometida a partir dos 5 anos de idade. Pela publicação, em Mato Grosso do Sul, a vacina está indicada para pacientes que vivem com HIV/Aids, transplantados de células-troncos, transplantados de órgãos sólidos e pacientes oncológicos.

Segundo dados do Ministério da Saude, é um grupo de alto risco que engloba pacientes oncológicos, transplantados e com HIV. Na comparação com indivíduos saudáveis, eles apresentam um risco aumentado para desenvolvimento de pneumonia e doenças pneumocócicas invasivas.

Também chamada de Prevenar 13, ela é a única capaz de proteger contra os 13 subtipos mais comuns dessa bactéria no mundo. Produzida pelo laboratório Pfizer, sendo disponível na rede privada desde 2016.