ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  21    CAMPO GRANDE 23º

Interior

Serviço de resgate em trechos da região Leste de MS começa a funcionar neste mês

Emergências envolvendo socorro médico e mecânico serão atendidas na MS-112 e trechos das BRs 158 e 436

Por Danielly Escher | 04/12/2023 11:26
Estrada MS-112 que liga Três Lagoas a Cassilândia (Foto: Agesul)
Estrada MS-112 que liga Três Lagoas a Cassilândia (Foto: Agesul)

Ainda este mês, a partir de 27 de dezembro, começam a funcionar novos atendimentos para quem passa pela MS-112 e trechos das BRs 158 e 436 na região Leste de Mato Grosso do Sul. Segundo a concessionária responsável, os serviços vão funcionar gratuitamente 24 horas por dia. São situações de emergências envolvendo socorro médico feito por ambulâncias ou mecânico com guinchos leves e pesados, veículos de inspeção contínua de tráfego, além de viaturas para apreensão de animais e de combate a incêndios.

O serviço contará com seis ambulâncias do tipo C, viatura mista de resgate e primeiros socorros, equipada com ferramenta especial para retirada de vítimas presas nas ferragens, extintores, alavancas para remoção de fios elétricos, além de equipamentos médicos para imobilização e remoção da vítima. Os veículos ficarão em bases operacionais nas estradas e terão profissionais da área da saúde com orientação de um médico regulador.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade


Para monitoramento e controle de tráfego, a concessionária terá em sua sede um Centro de Controle Operacional, que também coordenará o atendimento aos usuários, mobilizando as equipes e viaturas necessárias nas ocorrências. O telefone de contato será o 0800 158 0112.

Segundo a concessionária, a data de início de cobrança do pedágio será em 2024 e "ainda não está totalmente definida".

Concessão - Em 23 de março deste ano, a Way-112 - Concessionária das Rodovias do Leste MS assinou com o Governo de Mato Grosso do Sul contrato de concessão envolvendo as três estradas tem investimentos de 3,4 bilhões em 30 anos destinados à recuperação, operação, manutenção, conservação e implantação de obras de melhorias e ampliação de capacidade para dotar o corredor rodoviário da melhor infraestrutura de transporte.

Os três trechos concedidos somam 412 quilômetros de extensão. A MS-112, que liga Três Lagoas a Cassilândia; trecho da BR-158, entre o entroncamento da MS-306 (Cassilândia) até a MS-444 (Selvíria); a BR-436, do entroncamento com a BR-158 (Aparecida do Taboado) até a divisa com o estado de São Paulo.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Região atendida - As melhorias no sistema rodoviário impactam em torno de 230 mil habitantes de seis municípios e influenciam nas principais atividades econômicas da região, sendo indústria de celulose em Três Lagoas, agropecuária em Selvíria, Inocência, Aparecida do Taboado e Paranaíba, silvicultura em Selvíria e Cassilândia, indústrias frigoríficas em Cassilândia e indústrias de açúcar em Aparecida do Taboado.

O sistema rodoviário da concessão é importante rota de escoamento da produção do agronegócio da porção norte da região Centro-Oeste, servindo como acesso ao modal hidroviário do Mercosul, através da Hidrovia do Rio Tietê-Paraná. As rodovias também servem como rota rodoviária para os caminhões que buscam os portos de Paranaguá e Santos e é porta de acesso ao Estado de São Paulo ligando os Municípios de Aparecida do Taboado (MS) e Rubinéia (SP).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias