A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

08/05/2017 10:09

Internautas não são a favor das reformas da Previdência e trabalhista

Viviane Oliveira

A maioria dos internautas que participou da enquete do Campo Grande News não é a favor das reformas da Previdência e trabalhista. De acordo com a consulta feita pelo site, 74% votaram que são contra. Apenas 26%, são a favor.

Aprovado na quarta-feira (3), na Comissão Especial da Reforma da Previdência, o texto que trata das novas regras da aposentadoria teve mudanças em relação ao projeto original, entre elas a definição de idade mínima de 65 anos para homens e 62 para as mulheres, além do tempo de contribuição, que antes estava em 49 (anos) e caiu para 40. A proposta também privilegia professores, policiais e trabalhadores rurais.

Segundo o deputado Carlos Marun (PMDB-MS), presidente da comissão, com a aprovação do texto-base, falta apenas votar mais dez destaques que ficaram para esta semana. Depois o projeto segue ao plenário da Câmara Federal.

Já o texto-base referente a reforma trabalhista foi aprovado no fim de abril pelo plenário da Câmara dos Deputados, com 296 votos a favor. Agora, projeto segue para o Senado. O texto altera a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) para prever, entre outras medidas, a prevalência do acordo sobre a lei, regras para o trabalho intermitente e o fim da contribuição sindical obrigatória e da ajuda do sindicato na rescisão trabalhista.

A nova enquete já está no ar e quer saber se motorista embriagado que causa acidente com morte deve, sempre, ser acusado de homicídio doloso, ou seja, com intenção matar. Sim ou não. Participem!



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions