A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

29/07/2009 05:37

Acusado de roubo a Nelsinho será encaminhado ao Garras

Redação

Marcos Ferreira de Carvalho, de 31 anos, acusado de ter participação no assalto à casa do prefeito Nelson Trad Filho (PMDB), deve ser transferido ainda hoje para o Garras (Grupo Armado de Repressão a Assaltos, Seqüestros e Roubo a Banco) em Campo Grande.

Carvalho foi preso na Bolívia há 15 dias e foi entregue ontem à Polícia Militar de Corumbá. A remoção dele já foi solicitada e deve ocorrer entre hoje e quinta-feira, conforme informações do Garras.

"Barriga" como é conhecido estava com a prisão preventiva decretada desde o início do mês. O pedido feito pelo delegado titular do Garras, Ivan Barreira, incluiu ainda Paulo Henrique da Silva, 23 anos, apontado como receptor das jóias roubadas do prefeito.

Os dois são foragidos Colônia Penal Agrícola de Campo Grande. Em Corumbá, Marcos teria relevado à imprensa local que entrou na casa do prefeito em busca de R$ 6 milhões.

Silva foi preso no dia 27 em Fátima do Sul e revelou que tinha escondido os produtos do assalto no Assentamento Itamarati, em Ponta Porã, mas a localização dos bens ainda não foi confirmada.

A Polícia chegou até Carvalho depois da prisão de Silvio Cezar Gonçalves Dutra, conhecido como Negão, no último dia 17. Na ocasião, Silvio falou que foi contratado pelo empresário Moacir Santos Zanúncio, 49 anos.

Eles também tiveram a prisão preventiva decretada que inclui ainda a de Deivison Silva Trajano, o Dede, 18, e Anderson Ferreira dos Santos, o Pepe, 24.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions