A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Janeiro de 2018

20/11/2009 10:16

Advogado confessa pedofilia e diz amar menina de 13 anos

Redação

O advogado Antônio Paulo de Amorin, 53 anos, confessou o crime de pedofilia e diz que ama a garota de 13 anos com a qual mantém relações sexuais.

A confissão à Polícia Civil foi feita nessa quinta-feira, na presença de um representante da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), do advogado de Antônio e de um promotor de Justiça.

De acordo com a Polícia Civil, Antônio disse que há 10 anos sente desejos por adolescentes e que há um ano tem relações sexuais com a menina de 13 anos, que diz amar.

Segundo a Polícia, a menina é parente de uma ex-mulher dele. A garota também confessou que tem relações sexuais com o advogado.

Na manhã dessa quinta-feira, a Polícia apreendeu fitas VHS, computadores, CDs e fotografias, no escritório e na residência de Antônio.

Os vídeos que estão em CDs são recentes. Os mais velhos, são datados de 2007. Três adolescentes aparecem em vídeos diferentes, fazendo sexo com o advogado. A Polícia ainda não sabe se Antônio fazia divulgação deste material.

O advogado está preso por mandado de prisão temporária, de 30 dias. Antônio passou a ser investigado depois que a Delegacia da Mulher registrou queixas de familiares de menores, encaminhadas pelo Ministério Público Estadual, que recebeu as denúncias há cerca de um mês.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions