A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

27/11/2009 11:18

ALL demite dezenas de funcionários em Mato Grosso do Sul

Redação

A ALL (América Latina Logística), empresa que administra a linha férrea no Mato Grosso do Sul e outros seis estados, demitiu dezenas de trabalhadores no Estado. O número de pessoas demitidas segundo o sindicato que representa a categoria é de 100 e a empresa garante que 50 funcionários foram demitidos.

A empresa afirma que trata de uma restruturação no quadro de funcionários e os trabalhadores apontam que os envolvidos no movimento de greve deste ano foram afastados dos cargos.

Segundo a assessoria de imprensa da ALL, o plano inclui mudanças no quadro operacional e a criação de uma nova superintendência de produção, que abrange o trecho da antiga Novoeste, até a região de Bauru, em São Paulo, ao Estado.

Já os trabalhadores destacam que todos os demitidos participaram ativamente da greve e as demissões se concentram no setor de operações, maquinistas, manobradores, além de operadores de produção.

Entretanto, a empresa pontua que até gerentes foram substuídos. A assessoria de impresa da empresa revela ainda que no lugar dos 50 demitidos outros 90 serão contratados. Alguns já até passaram por qualificação na escola da ALL, localizada no Paraná.

Na nota enviada pelo sindicato que representa os trabalhadores, eles alegam que a medida é crime pois fere a Convenção 158 da OIT (Organização Internacional do Trabalho), que veda a demissão que os ex-funcionários qualificam como "arbitrária" porque não é baseada em fatores técnicos, econômicos ou financeiros.

Trabalhadores da ALL ficaram em greve de 31 de agosto a 09 de setembro.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions