A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

15/08/2008 10:39

Alunos da UFMS protocolam reivindicações no MPF

Redação

Já há nove dias acampados na reitoria da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) os alunos participam neste momento de uma reunião com o procurador dos Direitos do Cidadão, do MPF (Ministério Público Federal), Felipe Fritz Braga.

Em pauta, segundo Ítalo Milhomem, representante dos universitários, informou que serão discutidos três assuntos:

A cobrança de taxas para emissão de documentos da universidade, segundo a comissão dos alunos é inconstitucional. Hoje para ter o certificado de conclusão de curso, o aluno tem que pagar R$ 100, já o histórico escolar custa R$ 40 e até a carteirinha da biblioteca é cobrada.

Os alunos querem sugerir também a forma de distribuição dos 120 professores que serão contratados na forma de concurso, publicado no Diário Oficial da União nesta semana. Segundo os alunos, a instituição ainda não definiu para quais cursos irão os professores. Eles apresentaram relatórios que mostram as grades de cada curso e a quantidade de professores.

Irregularidades do conselho universitário também serão apresentadas ao procurador.

Os alunos chegaram com documentos, gravações de vídeo e assinaturas para comprovar cada denúncia. A reunião segue a portas-fechadas.

 

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions