A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

24/11/2011 19:08

André Puccinelli inaugura pontes e anuncia mais obras em Rio Verde

Edmir Conceição
Ponte sobre o córrego Alegrai, inaugurada nesta quinta-feira pelo governador André Puccinelli. (foto: Rachid Waqued)Ponte sobre o córrego Alegrai, inaugurada nesta quinta-feira pelo governador André Puccinelli. (foto: Rachid Waqued)

O governador André Puccinelli inaugurou duas novas pontes de concreto nesta quinta-feira durante visita em Rio Verde. São pontes de concreto sobre o rio Verde e o córrego Alegria, que substituem antigas estruturas de madeira.

“O Estado teve 37 pontes destruídas pelas chuvas. Naquele período já estava em andamento uma política de substituição de pontes”, disse André, lembrando as cheias do fim de 2010 e início de 2011. Com um extenso trabalho técnico feito pela Secretaria de Obras Públicas e de Transportes e Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, o Estado garantiu junto ao Ministério da Integração Nacional R$ 30 milhões para executar a reconstrução. Em vez de apenas refazer as pontes destruídas, o projeto é para substituir as velhas pontes de mdeira por por concreto armado.

“Nosso projeto atendeu aos pleitos dos prefeitos de não fazer a reforma, mas sim a construção de ponte de concreto. Elas vão dar um fluxo melhor ao trânsito. É uma satisfação estarmos entregando essas obras, em função da dificuldade que a região enfrentava com as pontes antigas”, disse Puccinelli, ao descerrar a placa inaugural da ponte sobre o córrego Alegria. Essa estrutura, de 24 metros de comprimento por 5 metros de largura, teve investimento de R$ 471,3 mil. Para a outra ponte – de 36 metros sobre o Rio Verde – o investimento foi de R$ 595,9 mil.

O pecuarista Paulo Roberto Laiden acompanhou a cerimônia inaugural. Ele conta que “de 4 a 5 vezes por ano” as chuvas prejudicavam o trânsito na ponte de madeira. “A ponte não aguentava, principalmente por causa do tráfego de caminhões. A comunidade ficava sem acesso, e os caminhões tinham que esperar. Alguns, que levavam bois, acabavam atrasando e prejudicavam o comércio”, recorda-se Laiden. A situação agora é de otimismo. “Agora, vai ajudar a pecuária da região, vai melhorar o transporte dos bois, da ração. Acho que essa construção é um exemplo de que o governador tem uma visão em cima do setor produtivo de Rio Verde, e nós agora nos sentimos mais seguros”, compara ele.

Renato Serafim Barbosa, morador de uma propriedade próximo da Ponte do Córrego Alegria, também se recorda da dificuldade de passagem no local com a antiga ponte de madeira. “O trânsito até diminuiu, o pessoal evitava [passar ali] por causa da dificuldade. Eu acho que melhorou cem por cento”.

O prefeito Wiliam Brito acompanhou as inaugurações, ao lado do prefeito da vizinha cidade de São Gabriel do Oeste, Sérgio Luiz Marcon. Conforme Brito, as pontes de concreto eram “um sonho” do produtor rural. “As velhas pontes de madeira já estavam ficando famosas pelos danos que sofriam por causa das enchentes, e com essas obras conseguimos restabelecer a normalidade. Elas podem ser consideradas obras definitivas para o produtor rural de Rio Verde”, comparou. “Não só a nossa cidade, como mais quatro municípios se beneficiam. Melhora os acessos às fazendas. A ponte chega em boa hora”, completou o prefeito, relatando que na travessia do Córrego Alegria passam de 30 a 40 cargas de boi por dia. “A ponte de madeira não suportava tudo isso”.



Na região rural de São Gabriel foram feitas 2 pontes de concreto: Rio Novo e Rio Coxim. Nas pontes só passa 1 carro de cada vez, ou seja, asfalto? nunca? Outro ponto crítico: nas pontes até passa caminhão pesado porém na estrada não! O que parecia ser o sonho do produtor rural realizado é só o primeiro passo... a região precisa de mais, precisa de estrada, escola, médico, assistencia social...
 
Ana Paula Saldanha em 24/11/2011 07:56:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions