A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

30/12/2014 16:01

Após decreto de emergência, prefeito de Anastácio vai à Brasília pedir ajuda

Daniel Machado
Cerca de 800 famílias estão prejudicadas com crateras em estradas vicinais que dão acesso aos assentamentos São Manoel e Monjolinho (Foto: Divulgação)Cerca de 800 famílias estão prejudicadas com crateras em estradas vicinais que dão acesso aos assentamentos São Manoel e Monjolinho (Foto: Divulgação)

Após decretar situação de emergência no município de Anastácio na semana passada, por conta dos estragos causados pelas fortes chuvas na região, o prefeito Douglas Figueiredo segue hoje para Brasília afim de buscar recursos junto à Sudeco (Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste) e à Defesa Civil Nacional.

Além das crateras nas estradas vicinais do município, distante 128 quilômetros de Campo Grande, a região sofreu com a cheia dos rios Aquidauana e Taquaruçu e teve dez pontes da zona rural destruídas.

Enquanto os recursos federais não chegam, a prefeitura de Anastácio iniciou nesta terça-feira (30) os serviços de reparo e manutenção das estradas vicinais da Colônia Paulista, que dá acesso aos assentamentos São Manoel e Monjolinho, onde cerca de 800 famílias utilizam o corredor de transporte para escoamento da produção agropecuário e da bacia leiteira.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions