A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

26/04/2016 10:23

Aprovados em concurso da PM pedem apoio para serem convocados

Deputada quer reunião com secretário da Sejusp e governador

Mayara Bueno e Leonardo Rocha
Pelo menos 100 aprovados acompanham sessão na Assembleia. (Foto: Leonardo Rocha)Pelo menos 100 aprovados acompanham sessão na Assembleia. (Foto: Leonardo Rocha)

Remanescentes do concurso da Polícia Militar estão na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul nesta terça-feira (26). Eles pedem apoio dos deputados para o governo do Estado chamar pelo menos 2,4 mil aprovados no certame realizado em 2013.

Segundo o representante do grupo, Herik Garcia, o Executivo Estadual alega não ter chamado mais aprovados em virtude da “cláusula de barreira”. O dispositivo é uma norma que prevê a eliminação do candidato que, mesmo se obtiver nota suficiente para aprovação, não ficou classificado entre os mais pontuados correspondentes a um percentual do número de vagas oferecidas.

No entanto, ainda conforme o representante, esta cláusula não está prevista no edital do concurso que fez. No caso do processo seletivo da Agepen, por exemplo, já tem, no documento oficial, a previsão do dispositivo, diz.

Por parte do Legislativo Estadual, a deputada Grazielle Machado (PR), disse que tentará uma reunião com o secretário da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), José Carlos Barbosa, e, posteriormente, com o próprio governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB).

De acordo com a deputada, tanto os remanescentes quanto o governo apresentaram pareceres a respeito da convocação, mas que o documento dos aprovados estaria mais embasado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions